Ferramentas Pessoais
Acessar
Seções
Você está aqui: Página Inicial Produtos Frutas Alimento infantil à base de maçã e banana Qualidade Matéria-prima

Matéria-prima

A qualidade do produto final está, estreitamente, relacionada à matéria-prima.

Dessa forma, a doçura ou grau de acidez do alimento infantil à base de banana e maçã depende dos cultivares das frutas (maçãbanana) que foram empregados. Depende, acima de tudo, do grau de maturação que as mesmas foram colhidas, conferindo sabor adstringente ao alimento, caso tenham sido colhidas antes do momento apropriado, bem como, maior acidez e menor doçura.

As características finais do produto dependem, também, no tocante às matérias-primas das condições do cultivo, se adequadas ou inadequadas, interferindo na qualidade do produto final. Os cultivares de banana empregados, por exemplo, podem apresentar baixo teor de açúcares e maior teor de água, não se aplicando a produção de alimento infantil, caso sejam cultivadas em terrenos de várzea ou sujeitos a inundações, resultado no fruto conhecido como "aguado".

As técnicas empregadas desde o momento da colheita são responsáveis por alteração na qualidade do produto final. Embora o tratamento térmico empregado no processamento do alimento infantil seja bastante eficaz (pasteurização), se boas práticas não forem ministradas desde a colheita da fruta, o valor nutricional da mesma será reduzido (veja também composição centesimal de maçãbanana). Isso porque, uma eventual contaminação efetuada durante a colheita (frutas tombarem sobre o chão, o qual recebeu adubos e fertilizantes) promove o desenvolvimento de microrganismos, ao quais ao longo do processo promoverão o consumo dos nutrientes dessa matéria-prima. Ao final do processamento, etapas referentes à embalagempasteurização, os microrganismos serão eliminados, entretanto, o efeito de seu desenvolvimento sobre o produto ao longo da linha de produção é irreversível (consumo de vitaminas, minerais, carboidratos, proteínas, etc.).

Posto que o produto final consiste em um purê de frutas, a integridade das frutas, no tocante ao aspecto físico, não é fator determinante, desde que os danos responsáveis pela alteração da integridade física da fruta não resulte em perdas nutricionais, bem como, contaminações microbiológicas.