Alcar Nordeste acontece nos dias 8 e 9 de maio

A Universidade Federal do Maranhão (São Luís, MA) recebe, nos dias 8 e 9 de maio, o 3º Encontro Nordeste de História da Mídia – Alcar Nordeste. O evento terá como tema central “Repressão e resistência na mídia”.

O site do Alcar Nordeste é www.alcarnordeste2014.org. O encontro também está nas redes sociais Facebook (Alcar nordeste 2014) e Twitter (@alcarne2014).

Confira, abaixo, a programação:

08/05/2014
 
14h - CREDENCIAMENTO LOCAL: Hall do Auditório da Biblioteca Setorial Centro de Ciências Sociais
 
17h - ABERTURA OFICIAL: Auditório da Biblioteca Setorial Centro de Ciências Sociais
 
18h - CONFERÊNCIA DE ABERTURA
Tema: IMPRENSA E GOLPE DE 64: UMA HISTÓRIA DE RESISTÊNCIA E COOPTAÇÃO
Conferencista: Profa. Dra. Marialva Carlos Barbosa (ECO-UFRJ)
Local: Auditório da Biblioteca Setorial Centro de Ciências Sociais
 
Programação Cultural Local
Coquetel
 
09/05/2014
 
8h30 - Roda de Conversa I
Tema: 1964: Repressão e Resistência na Mídia I
Profa. Dra. Beatriz Dornelles (PUCRS)
Profa. Dra. Ana Regina Rego (UFPI)
Prof. Ms. Flávio Reis (UFMA)
Mediadora: Profa. Dra. Maria Berenice Machado (UFRGS)
Local: Auditório da Biblioteca Setorial Centro de Ciências Sociais
 
10h30 - Roda de Conversa II
Tema: 1964: Repressão e Resistência na Mídia II
Jornalista e professor Benedito Buzar (UEMA)
Jornalista e professor Edson Vidigal (UFMA)
Jornalista e professor Sebastião Jorge (UFMA)
Mediador: Prof. Dr. José Ferreira Junior (UFMA)
Local: Auditório da Biblioteca Setorial Centro de Ciências Sociais
 
14h30 às 18h
Grupos Temáticos
Local: Salas, Laboratórios, Anfiteatro do Departamento de Comunicação Social da UFMA.
 
18h - Lançamento de livros

19h - Solenidade de Encerramento
Local: Auditório da Biblioteca Setorial Centro de Ciências Sociais

Conheça os Grupos Temáticos e os respectivos coordenadores:

História do Jornalismo
Coordenador: Profa. Dra. Joanita Mota Ataide (UFMA) - joanitamota@uol.com.br
Ementa: História do jornalismo: aspectos teóricos e conceituais. Estudos de jornalismo: aspectos históricos. Os jornais como lugares de construção historiográfica. Os jornais como objeto de estudos históricos. Aspectos da conformação do campo profissional. A trajetória histórica do jornalismo e dos jornalistas no Brasil. Estudos de caso referentes a espaços sociais e veículos determinados. Os jornais como fonte historiográfica.

História da Publicidade e da Comunicação Institucional
Coordenador: Prof. Dr.  Protásio Cézar dos Santos (UFMA) – labcom17@bol.com.br
Ementa: Estuda a história e os processos de comunicação e de relacionamento, internos e mercadológicos, estabelecidos entre as instituições, públicas, privadas e não governamentais, e seus diferentes públicos. Contempla aspectos teóricos, técnicos e práticos da publicidade e propaganda e da comunicação institucional, inclusive os ligados ao ensino e à pesquisa, bem como as suas interfaces com as mais variadas ciências. Trata das questões epistemológicas, culturais, ideológicas, éticas, estratégicas e de gestão do campo, bem como das múltiplas linguagens, estéticas, mídias, profissões e da organização do trabalho.

História da Mídia Digital
Coordenadora:  Profa. Dra. Patrícia Azambuja (UFMA) -patriciaazambuja@yahoo.com.br
Ementa: O objetivo é construir a memória dos conteúdos digitais disseminados por intermédio da mídia on-line (redes de computadores), off-line (CD-ROM, DVD) e por dispositivos de comunicação sem fio como celular e assistente digital pessoal (Personal Digital Assistant – PDA), revelando processos, formas, técnicas e experiências precursoras desse novo sistema de comunicação social.

História da Mídia Impressa
Coordenadora: Profa. Dra Jovelina Reis (UFMA) – jovelina.reis@hotmail.com
Ementa: Aborda a história da imprensa como mídia (massiva, erudita ou popular), valorizando sua relevância como mais antigo suporte industrial da informação no Brasil. O grupo tem recebido predominantemente trabalhos sobre a produção, a edição e a leitura de jornais, mas está aberto aos estudos sobre revistas, livros, volantes, enfim sobre os processos comunicacionais que fluem através dos impressos brasileiros.

História da Mídia Sonora
Coordenadora: Profa. Dra. Rose Ferreira (UFMA) – roseferreira@uol.com.br
Ementa: O grupo abrange trabalhos de pesquisas históricas sobre o rádio ou outros suportes que trazem a linguagem do áudio. Estuda-se a especificidade da linguagem, dos formatos, dos gêneros, da tecnologia, dos efeitos na recepção e busca-se resgatar personagens, programas, sonoridades ou a cobertura de episódios que marcaram a vida da sociedade brasileira, valorizando a diversidade regional.

História da Mídia Audiovisual e Visual
Coordenadora: Profa. Dra. Cecília Leite (UFMA) – showcecilialeite@gmail.com
Ementa: Resgatar, sistematizar e debater a história de temas e processos pertencentes à comunicação audiovisual (cinema, televisão, vídeo e outras mídias que combinem palavra, imagem e som) e pictórica (quadrinhos, cartuns, fotografias, cartazes e congêneres). O grupo acolhe reflexões desde o advento dessas formas de representação até os dias atuais, no cenário brasileiro e em estudos comparativos com o cenário internacional. Busca ainda focalizar os processos midiáticos e retratar personagens pioneiras e suas descobertas.

História da Mídia Alternativa
Coordenador: Prof. Dr. Sílvio Rogério Rocha (UFMA) – silvioroger@uol.com.br
Ementa: A presença de veículos alternativos (impressos, sonoros, audiovisuais e on-line) na história da comunicação, compreendendo os seguintes enfoques: mídia alternativa em tempos de repressão; mídia nos movimentos de resistência; comunicação nas organizações populares; mídia e minorias representativas; demais formatos e alternativas de produção popular/comunitária/independente. As pesquisas envolvem a memória dos meios alternativos, sua participação em determinado período histórico, características da mídia alternativa e abordagens teórico-conceituais sobre o tema.

Historiografia da Mídia
Coordenador: Prof. Dr. James Maxwell Araújo (UFMA) – jamesmfa@uol.com.br
Ementa: O objetivo deste GT é discutir temáticas que problematizem a produção do conhecimento contemporâneo na interseção entre mídia e história. Dois aspectos fundamentais: a escrita histórica contemporânea em sua relação com a escrita midiática e a produção de história, memória e esquecimento a partir dos meios de comunicação. Investiga-se também a produção do acontecimento histórico/memorável na relação mídia e história; temporalidade e meios de comunicação; hermenêutica histórica e mídia; memória e meios de comunicação, narrativa da história e narrativa da mídia, a história como produto midiático; escrita midiática como escrita da história; o passado como objeto dos meios de comunicação.

Ações do documento
registrado em:

Bannes alcar 2019

selo

 

Iniciativa


unesco

  metodista



parcerias

ahc

 

mestrado espanha


Filiação

 
socicom

outros sites

intercom

 

sbpjor

 

 compos

 

história e audiovisual logo

 

Historicidades Log

 


ALCAR - Associação Brasileira de Pesquisadores de História da Mídia

E-mail: alcar@ufrgs.br