Homenagem: Ângela Schaun

Homenagem: Ângela Schaun 

Ângela Schaun

 

A Associação Brasileira de Pesquisadores de História da Mídia reservou este espaço para prestar homenagem à professora Dra. Angela Schaun, ex-vice-presidente da ALCAR (gestão 2011-2015), que faleceu na cidade de São Paulo, no dia 30 de janeiro.   

O Jornal ALCAR reuniu algumas manifestações de professores e colegas, que registraram votos de pesar, e procuraram descrever um pouco do seu trabalho como pesquisadora no campo da comunicação, como também pelo lado humano de Angela Schaun. Confira!

 

REGISTROS:

 “Recebo com muita tristeza a noticia do falecimento de Angela Schaun. Fui amigo do seu pai, cuja morte prematura deixou muitos órfãos  intelectuais. Sabia por terceiros que o mestre deixara seu patrimônio cognitivo para ser continuado por alguém da família. Tempos depois recebo a visita de Angela que completara sua formação graduada na Bahia e posgraduada no Rio de Janeiro. Veio disposta a vencer em São  Paulo, onde  encontrou as portas abertas da Universidade Mackenzie. Apreciada pelos alunos, admirada pelos colegas e prestigiada pelas autoridades, participou ativamente da vida acadêmica, principalmente na INTERCOM. Incentivada pela Reitoria, Angela começou a preparar o projeto de pos-graduação, quando foi surpreendida pela enfermidade que ontem lhe ceifou a vida. Apesar da convalescença, ela manteve sua rotina de ensino e pesquisa. Há poucos dias me enviou sua contribuição para a Cartografia dos Brasilianistas. Vamos inaugurar o Portal  do BRASILEIRISMO Comunicacional com o texto sobre  o itinerário intelectual de Guilhermo Orozco. Angela enfrentou com dignidade o desígnio que Deus lhe reservou e parte tranquila com o sentimento do dever cumprido”.

José Marques de Melo – Diretor da Cátedra Unesco de Comunicação para o Desenvolvimento Regional e Presidente da Honra da Intercom

  

“É com lágrimas no coração e nos olhos que leio a notícia do falecimento da Angela.  Eu a admirava demais, mulher inteligente, charmosa - bem humorada. Uma grande pesquisadora”.

Maria Angela Pavan - Professora do Departamento de Comunicação Social da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)

 

“Uma grande perda.  Ângela, além de dedicada professora, foi uma colega alegre, generosa e viveu a vida com intensidade”. 

Christina Musse - Professora do Curso de Comunicação Social da Universidade Federal de Juiz de Fora.

 

“Conheci a professora Angela Schaun no final dos anos 90, lamento muito seu precoce falecimento. Meus sentimentos e respeito à família e aos amigos”.

Roseli Figaro - Professora Livre-docente do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação da Universidade de São Paulo.

 


“Lamento profundamente o falecimento da professora Angela Shaun. Em nome do Fórum Nacional de Professores de Jornalismo, expresso meus sentimentos a amigos e familiares”.

Mirna TônusProfessora da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e presidente do Fórum Nacional de Professores de Jornalismo (FNPJ)

 

“É sempre triste a perda precoce de pessoas como Ângela Shaun. Lembro-a sempre entusiasmada e dedicada à pesquisa e ao trabalho docente. Envio meus sentimentos aos familiares e aos amigos do Mackenzie”.

Maria Immacolata Vassallo de Lopes -  Professora titular da Escola de Comunicações e Artes da USP. 

 

“A Diretoria da Compós manifesta profundo pesar pelo falecimento de Angela Schaun.

Nosso abraço fraterno a familiares, amigos e toda a comunidade Mackenzie”.

Edson Dalmonte - Docente da Faculdade de Comunicação da Universidade Federal da Bahia. 

 

“É com muita tristeza que recebo essa notícia. Profa. Angela foi minha orientadora e uma fonte de inspiração. Profissional que gozava de prestígio junto aos colegas e alunos, dotada de enorme seriedade com todo que se prontificava fazer e de uma competência e tranquilidade sem igual. Era uma dama cheia de charme, elegância e inteligência. Deixou-nos órfãos e muito saudosos.

Meus sentimentos aos familiares e a todos que já sentem e sentirão muito a falta dela”.

Marta Cardoso de Andrade – Professora Universitária e Pesquisadora e Líder de Pesquisa do CNPq; 

 

“Ângela Schaun sempre foi comprometida com o fazer comunicacional. Tive oportunidade de ter sido professor dela no curso de jornalismo da UFBA , quando já demonstrava seu interesse pela pesquisa e começou sua dedicação a esta área do conhecimento. Lamento a perda e presto meus sinceros sentimentos aos familiares”. 

Sergio Mattos - Escritor e professor aposentado da Universidade Federal da Bahia,

 

“Lamentável! Perdemos uma grande profissional que, também através de sua pesquisa sobre as Praticas Educomunicativas dos grupos Afro-descendentes na Bahia, possibilitou- nos ampliar e entender melhor o campo da Educomunicação.

Meus sentimentos aos colegas e familiares”.

Patricia Zimermann - Produtora  Cultural e coordenadora  do  Projeto  Educom  Joinville.

 

“Profa. Dra. Angela Schaun participou dos esforços, até o momento ainda não bem-sucedidos, de montar um doutorado em Comunicação na Faculdade Cásper Líbero.

Lembro de seu empenho e boa vontade.

Estamos tristes com o falecimento dela, e gostaríamos de abraçar familiares e amigos”.

Dimas Antonio Kunsch  - Professor Faculdade Cásper Líbero

 

“Uma grande profissional, batalhadora.

Lamento muito também.”

Adolpho Carlos F Queiroz – Professor da Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo

 

“Não há palavras para expressar o sentimento que nos causou a  precoce perda da profa. Angela Schaun

Sim: ela era entusiasmada, comprometida. Envolvida e envolvente. Ouvi Angela, singelamente, apoiar inúmeras iniciativas individuais ou coletivas, compartilhando seu conhecimento, dando ideias e instruindo caminhos.

Era a vice-lider do nosso Grupo de Pesquisa NAv - Núcleo Audiovisual, da Universidade Presbiteriana Mackenzie, e esteve envolvida em todos os "Seminários Histórias de Roteiristas", colaborando na organização e como membro permanente da Comissão Científica.

Então, nos resta agradecer a ela sua existência e sua amizade.

Aos familiares (lindos filhos e neto), envio meus sentimentos sinceros”.

Glaucia Davino – professora da Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo

 

“Gláucia e demais colegas da Mackenzie,

acolham nossa solidariedade.

Seguramente, a Angela foi singular”.

 Alexandre S. Kieling – Professor Universidade Católica de Brasília

 

“Lamentamos imensamente.

Solidariedade aos familiares”.

Jose Claudio Alves de Oliveira – Professor da Universidade Federal a Bahia

 

“Uma grande perda! Sinto especialmente a perda da minha colega no Doutorado na UFRJ.

Nossa solidariedade à família e aos colegas da ALCAR”.

Eugenia Barichello - Professora da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)

 

Conheci Angela no lançamento dos nossos livros sobre educomunicação no INTERCOM de Salvador em 2002. Nunca mais nos encontramos, mas guardo com carinho aquele momento e certamente  envio meus sentimentos aos familiares e minhas boas energias ao universo.

Rossana Gaia – Professora do Instituto Federal de Alagoas

 

DEPOIMENTO:

Conheci Ângela Schaun em meados de 2011, em Guarapuava, por ocasião do Oitavo Encontro Nacional de História da Mídia. Indicada pelos fundadores da Rede Alfredo de Carvalho, José Marques de Melo e Marialva Barbosa, vinha muito bem credenciada por sua capacidade intelectual, produção científica e a organização do I Encontro da Alcar Sudeste, em 2010, na Universidade Mackenzie, em São Paulo. Compusemos chapa para dirigir a Alcar pelos próximos quatro anos, cientes de que estando institucionalizada como associação científica e acadêmica, faltava-lhe ainda obter registro como pessoa jurídica.

E este foi um processo longo e pródigo em detalhes legais e burocráticos: tivemos que encontrar local/sede para a associação de pesquisadores, orçar e contratar escritório jurídico-contábil, redigir estatuto, indicar grupo de sócios. Um período difícil, ainda mais considerando nossas rotinas e distâncias. Ângela e eu conversávamos seguido, nos amparávamos e exercitávamos a paciência diante dos entraves, que não foram poucos; os recursos financeiros eram mínimos e as nossas responsabilidades enormes.

Paralelo aos trâmites do registro, a Alcar deveria, e seguiu, atuando em outras frentes: realizar encontros regionais nos anos pares, intercalar com um nacional em ano impar, publicar o jornal e a revista científica, ampliar o quadro de associados, estar representada na comunidade científica.

Finalmente, em 2014, a Alcar recebeu o número de inscrição no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas. No ano seguinte concluímos a gestão com as principais metas e objetivos alcançados. Por ocasião da última assembleia dos sócios, em Porto Alegre, agradeci publicamente à Ângela Schaun.

Que a história da Alcar registre a seriedade e a inteligência desta vice-presidente, impar em elegância e discrição.

Uma valorosa companheira com a qual tive a honra e o privilégio de privar. Sentirei falta da sua amizade e alegria.

 Maria Berenice Machado – ex-presidente ALCAR  (gestão 2011-2015).

Ações do documento

Bannes alcar 2019

selo

 

Iniciativa


unesco

  metodista



parcerias

ahc

 

mestrado espanha


Filiação

 
socicom

outros sites

intercom

 

sbpjor

 

 compos

 

história e audiovisual logo

 

Historicidades Log

 


ALCAR - Associação Brasileira de Pesquisadores de História da Mídia

E-mail: alcar@ufrgs.br