Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Ferramentas Pessoais
Acessar
Seções
Você está aqui: Página Inicial Estágio Engenharia de Energia Estágio Obrigatório

Somente poderá realizar Estágio Supervisionado Obrigatório o aluno que tiver integralizado, no mínimo, 190 créditos obrigatórios do curso. O Plano de Atividades deve ser compatível com a programação curricular do curso, contemplando preferencialmente:

I – os objetivos profissionais do estágio (contribuição do estágio para a formação do aluno, campo de atuação específico, natureza das atividades da Engenharia de Energia a serem desempenhadas);
II – as ações de capacitação/formação providas (cursos, treinamentos e estudos específicos que tenham relação com as atividades do estágio);
III – as atividades de natureza profissional (observar as limitações inerentes à natureza do curso do aluno, bem como as responsabilidades correspondentes à condição de estagiário).

O Plano de Atividades deverá ser aprovado pelo Professor Orientador e pela COMGRAD Engenharia de Energia.

São responsabilidades do Professor Orientador do Estágio Supervisionado Obrigatório:
I – avaliar o Plano de Atividades do estágio;
II – encaminhar para a COMGRAD Engenharia de Energia os documentos nos quais o Plano de Atividades é aprovado, incluindo a concordância em realizar a orientação do estágio;
III – acompanhar os trabalhos desenvolvidos pelo estudante durante o período do estágio;
IV – avaliar o estágio e incluir um parecer final no Relatório de Estágio Supervisionado Obrigatório.

São responsabilidades do aluno de Engenharia de Energia:
I – matricular-se na atividade de ensino Estágio Supervisionado – Engenharia de Energia;
II – elaborar o Plano de Atividades em conjunto com o Supervisor do Estágio Supervisionado Obrigatório na empresa e com o Professor Orientador;
III – relatar ao Professor Orientador os desvios com relação ao Plano de Atividades e exposições a situações de risco ou de insalubridade;
IV – elaborar o Relatório de Estágio Supervisionado Obrigatório incluindo os seguintes itens:
a) introdução
situando o trabalho no contexto da área;
b) descrição da empresa (organização, estrutura, histórico, atividades
afins, produtos e etc.);
c) objetivo do trabalho;
d) atividades desenvolvidas;
e) conclusões;
f) referências bibliográficas;
V – encaminhar para a COMGRAD Engenharia de Energia o Relatório de Estágio Supervisionado Obrigatório, incluindo o parecer final do Supervisor e do Professor Orientador.

 

Para a caracterização e definição do estágio de que trata esta Regulamentação, é obrigatória a existência de um instrumento jurídico, na modalidade de Convênio, entre a UFRGS e entes públicos e privados, no qual devem estar acordadas todas as condições do estágio.

Considera-se Parte Concedente do Estágio Supervisionado Obrigatório pessoas jurídicas de direito privado e órgãos da administração pública direta, autárquica e fundacional de qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, bem como profissionais liberais de nível superior devidamente registrados em seus respectivos conselhos de fiscalização profissional.

Parágrafo único – A Parte Concedente do Estágio Supervisionado Obrigatório deverá possuir, em seu quadro de pessoal, engenheiro com formação ou experiência profissional na área de conhecimento desenvolvida no curso do Estágio, que atuará como Supervisor do Estagiário durante o período integral de realização do Estágio Supervisionado Obrigatório.

Para que o Estágio Supervisionado Obrigatório seja válido, é necessário que o Estagiário cumpra uma carga horária mínima de 160 horas durante o Estágio.

 

FORMULÁRIOS