Concerto com Edson Lopes e Elodie Bouny

Diplomado, desde 1978, no curso de Violão Erudito pelo Conservatório Dramático e Musical “Dr. Carlos de Campos” de Tatuí, SP, na classe do violonista e compositor Pedro Cameron, Edson Lopes recebe em 2003 o título Licentiate in Guitar Performance pelo Trinity College London.

Durante seus estudos, participou de vários concursos de violão, obtendo em todos o 1° lugar, tendo como destaque “II Concurso de Jovens Instrumentistas” promovido pela Rede Globo de Televisão no programa Concertos para a Juventude e “I Concurso nacional de Violão” promovido pelo bando do Brasil. Em 1979 frequentou o XXII curso de “Musica em Compostela” – Espanha, sob a orientação do professor Tomás (assistente de Andrés Segovia), onde foi considerado o aluno mais destacado, o que lhe valeu como prêmio uma nova Bolsa de Estudos para o ano seguinte.

Já se apresentou em diversas cidades do Brasil como solista, em duto, trio e com orquestra. Como integrante do Quarteto Vivace Brasil, realizou concertos nas cidades de Houston, Dallas, Austin, Seattle, Pittsburgh, Albuquerque, Hollywood, Indianápolis, Washington, nova Iorque entre outras. Em 2005 o Quarteto participou no “33° Arts Festival” de Hong Kong, do “VII Festival Internacional” de Guitarra em Monterrey, México, em 2006 do “V international Guitar Festival” na cidade de Aarhus, Dinamarca e em 2016 no “24° Koblens International Guitar Festival & Academy”, em Koblenz, Alemanha. Com o Quarteto Vivace Brasil (Flauta, 2 Violões e Percussão) realizou tournées pelos Estados Unidos destacando as cidades de nova Iorque, Boston, nova Orleans e São Francisco.

 

Elodie Bouny cresceu em Paris onde efetua um percurso de estudos clássicos completo enfocado no estudo do violão erudito no Conservatório de Boulogne (Paris); ela obtém seu Diploma Final com menção mais alta por unanimidade (2000). Ela é mestre em educação musical pela Escola de Musica da Universidade Federal do Rio de Janeiro (2012).

Aperfeiçoa-se seguidamente com Pablo Márquez no Conservatório de Estrasburgo, onde encontra a oportunidade de alargar sua cultura e de abrir o seu campo de trabalho em especial à música antiga, e as músicas improvisadas. Termina este segundo percurso e se forma em 2005 obtendo o seu D.E.M. (Diploma de Estudos Musicais). Durante estes anos de estudos, completa igualmente a sua formação seguindo numerosos masterclasses com personalidades eminentes e participa em aulas relacionadas com a música da América do Sul. Ela integra por alguns meses os cursos do Conservatório nacional de Folclore de Buenos Aires dirigido pelo violonista Juan Falú.

É laureada de vários concursos Internacionais: 3º Premio do Concurso ADMIRA, UK em 2001; 1º Premio do Concurso UFAM em 2003; 2º Premio do Concurso de Eschende (Holanda) em 2006, 2º Premio do Concurso AV-Rio (Rio de Janeiro) em 2009, 1º Premio do Concurso BRAVIO (Brasília) em 2009, 3º Premio do Concurso do Conservatório Villa-Lobos (São Paulo) em 2009.

Elodie Bouny participa de vários festivais como Guitarras del Mundo (Argentina; 2004 e 2005), Seis cordas para uma semana na Ilha da Reunião, Festival Internacional de Música Besançon, Jazzdor (Estrasburgo, França), Festival Jeunes Creations (Besançon; Francia). Atualmente mora no Rio de Janeiro e desenvolve vários projetos artísticos, entre eles o Duo Ida e Volta (violão-flauta) com Letícia Malvares, apresentando um repertório de musica sul-americana. Também, ela compõe para seu instrumento; em 2009, a sua peça “Et si le temps passe”, escrita sob encomenda para o violonista Gilson Antunes, foi publicada pela editora canadense Les Productions d’Oz. Tem Mestrado em Educação Musical (UFRJ, 2011). Desde 2012, ela é membro da Camerata de Violões (octeto de violões).

 

Data: 25 de setembro
Horário: 20h
Local: Auditorium Tasso Correa - Instituto de Artes da UFRGS - Rua Sr. dos Passos, 248.

Entrada franca

VOLTAR AO TOPO