Você está aqui: Página Inicial Notícias Obras sobre medicina veterinária ganham novas edições

Obras sobre medicina veterinária ganham novas edições

O livro Introdução à bioquímica clínica veterinária é publicado na sua terceira edição, em versão revisada e ampliada, e Transtornos metabólicos nos animais domésticos ganha sua segunda edição.

 

 

As obras integram a Série Graduação da editora, que apresenta livros-textos e manuais que contribuem para o desenvolvimento das atividades de ensino dos diferentes cursos oferecidos pela UFRGS, abordando questões básicas da formação acadêmica e temas discutidos na contemporaneidade.

 

 

Conheça as duas obras:

Introdução à bioquímica clínica veterinária Terceira edição (revisada e ampliada)

Félix H. Díaz González
Sérgio Ceroni da Silva

A Bioquímica Clínica é uma área da medicina veterinária que vem crescendo em importância no Brasil e no mundo. Este livro foi escrito com a finalidade de facilitar a abordagem à Bioquímica Clínica, incluindo os transtornos metabólicos, endócrinos e minerais nos animais domésticos.

A obra reúne conceitos básicos do metabolismo e aspectos aplicados da clínica veterinária. Trata-se de um livro-texto para estudantes de Medicina Veterinária, além de incluir informações relevantes aos profissionais da área. A publicação desta  terceira edição reflete o trabalho de mais de duas décadas realizado junto a alunos de graduação e pós-graduação em Medicina Veterinária.

 

Transtornos metabólicos nos animais domésticos – Segunda edição

Félix H. Díaz González
Marcio Nunes Corrêa
Sérgio Ceroni da Silva

A segunda edição deste livro sobre transtornos metabólicos em animais domésticos mantém a proposta da sua primeira edição, publicada em 2010, como um esforço conjunto entre grupos de pesquisa nas áreas de clínica, metabologia, bioquímica e endocrinologia de grandes e pequenos animais das universidades federais de Pelotas e do Rio Grande do Sul. A enorme acolhida da primeira edição na comunidade acadêmica, entre estudantes de Medicina Veterinária e de programas de pós-graduação do Brasil, motivou a revisão do texto inicial e a inclusão de alguns temas adicionais.

 

 

Sobre os autores

Félix H. Díaz González
É médico veterinário formado pela Universidade Nacional da Colômbia (Bogotá), com mestrado em Fisiologia Animal pela mesma universidade. Fez doutorado em Bioquímica Animal na Universidade de Viçosa (Brasil) e pós-doutorado em Bioquímica Clínica (Universidade de Murcia, Espanha) e em Metabolismo de Bovinos Leiteiros (Universidade de Santiago de Compostela, Espanha). Atualmente é professor da Faculdade de Veterinária e do Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias da UFRGS, atuando principalmente em bioquímica clínica, doenças metabólicas, endócrinas e carenciais em bovinos, ovinos, caprinos, caninos e felinos.

Marcio Nunes Corrêa
É médico veterinário, com mestrado em Zootecnia e doutorado em Biotecnologia pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Atualmente é professor associado de Clínica Médica de Grandes Animais na Faculdade de Veterinária da UFPel. É orientador nos Programas de Pós-Graduação em Veterinária e Biotecnologia e coorientador em Zootecnia. Desenvolve atividades direcionadas ao estudo dos transtornos metabólicos e nutricionais que estejam associados a alterações/manifestações clínicas, da produção e da reprodução animal.

Sérgio Ceroni da Silva
É médico veterinário, com mestrado em Genética e Biologia Molecular pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e doutorado em Biologia Molecular pela Universidade de Glasgow (Reino Unido). É responsável pelo Laboratório de Biologia Molecular Aplicada da Faculdade de Veterinária da UFRGS e atua como professor orientador no Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias da UFRGS.

Publicado em 30/01/2018.