Apresentação da Escola

centenario

A Escola de Engenharia é uma das mais antigas e maiores Unidades da UFRGS.

Fundada ainda no século XIX, a mesma se consolidou ao longo do Século XX, e hoje se caracteriza como uma unidade pujante, dotada de um corpo docente altamente qualificado e diversificado, com reconhecida competência, elevada competitividade acadêmica e notável inserção internacional.

Em suas diferentes dimensões, a comunidade da Escola de Engenharia da UFRGS desenvolve uma atuação marcante e dinâmica que contempla uma visão sinérgica de como fomentar as três pernas da tripla hélice representadas pelo ensino, pesquisa e extensão.

Sua atuação como centro gerador de recursos humanos de excelência e de produção de conhecimentos avançados tem repercussão regional, nacional e mundial, se consolidando através de convênios, cooperações, mobilidade acadêmica e programas dupla diplomação dos alunos.

Para nortear suas ações, a Escola de Engenharia busca acompanhar as mudanças no setor tecnológico, com o intuito de mapear as demandas de ensino e entender como melhor exercer seu papel de pólo acadêmico-científico junto à sociedade, contribuindo com a geração e disseminação de conhecimentos que valorizem a sustentabilidade, inovação e responsabilidade social.

Atualmente a EE conta com aproximadamente 9000 alunos de graduação, e cerca de 2000 alunos de Pós-Graduação Strictu-Sensu e mais de 1500 alunos de Especialização. A mesma oferece treze cursos de graduação e oito cursos de Pós-Graduação, e conta com mais de 80 laboratórios de pesquisa, espalhados em 16 prédios, com mais oito sendo construídos.

Em seu Planejamento Estratégico a Escola de Engenharia estabeleceu as seguintes diretrizes para orientar sua atuação:

Missão: “O propósito fundamental da Escola de Engenharia é formar e qualificar recursos humanos, estabelecendo uma cultura de excelência e geração de novos conhecimentos através da pesquisa, em todas as áreas da Engenharia, contribuindo para o desenvolvimento da sociedade com ampla interação com os setores produtivos públicos e privados”.

Visão: “Uma unidade dinâmica, que acompanha as mudanças do setor tecnológico, renovando cursos de graduação e pós-graduação e mantendo atividades regulares de pesquisa e extensão em todos os seus departamentos. Em função dessas atividades, relevantes para a sociedade e o para o setor produtivo nacional, a Escola pretende tornar-se um centro de referência de expressão internacional”.

Valores: Liderança / Interações qualificadas com a sociedade / Equilíbrio ensino-pesquisa-extensão / Crescimento e colaboração / Melhoria contínua / Sustentabilidade e responsabilidade / Desburocratização / Contribuição para o desenvolvimento nacional.