Notícias

EpiNews

Mais um passo rumo ao avanço de status



Técnicos do Ministério e da Secretaria da Agricultura do RS participaram nesta terça-feira (18), em Porto Alegre, de um treinamento para utilização de um software estatístico, chamado de "Software R". A ferramenta tem licença aberta e é abastecida com dados da Secretaria da Agricultura.

O treinamento é um pré-requisito para o curso posterior de análise de dinâmica de redes de movimentação animal, previsto para ocorrer em março, com instrutores da USP. "Este é um primeiro passo que tem o objetivo final de melhorar as estratégias de fiscalização de trânsito animal com vistas a evolução do status sanitário para Febre aftosa", explica Antonio Augusto Medeiros, do Serviço de Epidemiologia da Seapi.

Com o uso do software será possível analisar com mais precisão o trânsito animal no estado e, com isso, definir estratégias de segurança e fiscalização. A capacitação faz parte do Acordo de cooperação técnica entre a Universidade Federal do Rio Grande do Sul, a Seapi e o Fundesa.

Conforme o professor-doutor da Faculdade de Veterinária da Ufrgs, Eduardo Costa, que ministrou o curso, o uso da estatística permite sair da intuição e partir para a utilização de dados reais. "Os dados já foram armazenados para outras análises realizadas pelo laboratório de Epidemiologia da Ufrgs. A intenção agora é que os técnicos do Serviço Veterinário Oficial estejam capacitados para usá-los com foco no trânsito de animais", explica.

 

Link:fundesa.com.br/noticias/interna/mais-um-passo-rumo-ao-avanco-de-status-7209

Voltar