Ferramentas Pessoais
Acessar

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Seções
Você está aqui: Página Inicial Fabico presta homenagem à professora Luciana Pellin Mielniczuk, a Luti

Fabico presta homenagem à professora Luciana Pellin Mielniczuk, a Luti

Docente no curso de Jornalismo e pesquisadora no Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Informação (PPGCOM), Luti, como era conhecida por todos, faleceu nesta semana, aos 48 anos.
08/03/2018

Generosa, acolhedora, íntegra, incansável. Estes foram alguns dos adjetivos escolhidos por professores, funcionários e alunos da Fabico para definir a professora Luciana Pellin Mielniczuk, durante ato de homenagem realizado hoje (8), no pátio da faculdade.

Docente no curso de Jornalismo e pesquisadora no Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Informação (PPGCOM), Luti, como era conhecida por todos, faleceu nesta semana, aos 48 anos. Sua morte provocou impacto e comoção em toda comunidade fabicana.

“Hoje é o Dia Internacional da Mulher, e nesta data prestamos nossa homenagem a uma mulher guerreira e excepcional, a Luti, que deixa um grande vazio em nossos corações”, disse a diretora da Fabico, Karla Müller.

Membro do grupo de pesquisa em Jornalismo Digital coordenado por Luti, o professor Marcelo Träsel relembrou a trajetória acadêmica da docente, que se formou na Fabico em 1992 e, mais tarde, integrou a primeira turma de mestrado do PPGCOM. “O trabalho da Luti foi pioneiro e é uma referência na área de jornalismo online. Por onde andava, ela tratava as pessoas sempre com muito respeito e carinho”, destacou.

Para a chefe do Departamento de Comunicação da Fabico, Maria Berenice da Costa Machado, Luti imprimia afetividade em seu trabalho e em todas as suas relações. “Ela tinha inteligência, bom humor e generosidade. Acima de tudo, era uma pessoa de princípios. Era minha confidente e conselheira, porque eu tinha certeza de que ela queria para a UFRGS e para os alunos esse espírito do público com qualidade e acolhimento à diversidade”.

Convidado ao evento para deixar uma mensagem de conforto, o professor Pedrinho Guareschi citou a filósofa Hannah Arendt e sua ideia de eternidade. “É através da solidariedade, do amor, da fala e da bondade que somos eternizados. É isso que dá sentido à vida humana. E é por isso que a Luti permanece aqui, por sua solidariedade, sua alegria e sua coragem”.

Além de outras manifestações que emocionaram os presentes, os funcionários, alunos e professores trouxeram mudas de flores que serão plantadas no pátio da Fabico, em memória à estimada professora Luti.

registrado em: