Ferramentas Pessoais
Acessar

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Seções
Você está aqui: Página Inicial Reportagem de aluna da Fabico vence prêmio da Justiça Eleitoral

Reportagem de aluna da Fabico vence prêmio da Justiça Eleitoral

Júlia Ozório, em coautoria com Rafael Pereira, escreveu a matéria para o coletivo Iguana Jornalismo
14/10/2019

Uma reportagem produzida pelos estudantes de jornalismo Júlia Ozorio, da Fabico, e Rafael Pereira, da Ulbra, venceu o 2º Prêmio de Jornalismo da Justiça Eleitoral do Rio Grande do Sul na categoria Destaque Acadêmico. A reportagem "Datafolha registra maior intenção de votos brancos e nulos desde 1989" aborda o contexto político do período eleitoral de 2018, em que os votos brancos e nulos surgiram como alternativa em meio a um cenário de descrença em partidos e candidatos.

O concurso de reportagens, realizado pelo TRE-RS em parceria com a Associação Riograndense de Imprensa, teve 49 inscrições. Os textos deveriam abordar os seguintes temas: Eleições, Justiça Eleitoral, Cidadania e Democracia, Política e Reforma Eleitoral. A reportagem de Júlia e Rafael foi produzida em 2018 para o Iguana Jornalismo, coletivo de jornalismo independente do qual os estudantes fazem parte. Júlia conta que, da preocupação com o crescimento de intenções de voto nulo e branco, surgiu a iniciativa de investigar a situação. A matéria, que foi a primeira a ser produzida pelo coletivo, já havia sido finalista em outro concurso e venceu o prêmio da Justiça Eleitoral quando o Iguana completava 1 ano. Para Júlia, o prêmio representa o entendimento de que a forma independente e aprofundada de fazer jornalismo é uma maneira de fazê-lo chegar nas pessoas.

Iguana Jornalismo
O coletivo surgiu como mídia digital no ano de 2018, com o objetivo de ampliar o debate público, atuando como portal jornalístico alternativo às grandes empresas tradicionais de comunicação. A agenda do Iguana Jornalismo é pautada por temas como direitos humanos, cultura e cidadania, através de matérias multimídia, crônicas e reportagens investigativas.

Oficina na Semana Acadêmica da Comunicação
O Grupo de Pesquisa em Jornalismo Digital - JorDi irá ministrar o oficina Crise do Jornalismo: Enfrentamento e Novas Iniciativas, no dia 24 de outubro, das 9h às 11h. A oficina, que integra a Semana Acadêmica da Comunicação, irá abordar a temática de crise do jornalismo a partir de 3 momentos: caracterização da crise do jornalismo; alternativas de enfrentamento, como o slow journalism/em profundidade e novas iniciativas (Nexo, Intercept e Agência Pública), com a contribuição da jornalista Naira Hofmeister; exercício de identificação de um acontecimento nas redes digitais e uma proposta de pauta para reportagem multimídia a partir do que foi trabalhado na oficina. As propostas da terceira etapa podem ser enviadas para os ministradores da oficina, de modo que o trabalho possa ter um retorno para o oficinando -com a possibilidade de execução da pauta com vistas a publicação no portal Humanista.