Ferramentas Pessoais
Acessar
Seções
Você está aqui: Página Inicial Pesquisa Núcleos NECOD

NECOD

O NECOD – Núcleo de Estudos em Correntes de Densidade foi criado em 1999 fazendo parte do Setor de Hidráulica Aplicada do Instituto de Pesquisa Hidráulica (IPH) e sendo coordenado pelo Professor Rogério Dornelles Maestri.

O Núcleo atua basicamente  em duas linhas de pesquisa: simulações físicas de fluxos gravitacionais e processos sedimentares em águas profundas.

Atualmente, a equipe do Necod é composta por cerca de 20 pessoas, incluindo professores do DHH, geólogos, engenheiros, técnicos em hidrologia, técnicos administrativos e de serviços gerais, além de estudantes em nível de doutorado, mestrado e de graduação em engenharia e  geologia.

 

Objetivos

As principais atividades do NECOD se traduzem na realização de estudos em modelagem física dos mais diversos tipos de fluxos gravitacionais de sedimentos. Essa modelagem tem como objetivo compreender a formação, o transporte e a deposição dos sedimentos presentes em ambientes sedimentares, gerando conhecimento a serem aplicados na prospecção de reservatórios de hidrocarbonetos, a fim de minimizar o risco na atividade de exploração. Dentro desse contexto, os principais objetivos do NECOD podem ser sumarizados abaixo.

  • Desenvolver novas tecnologias sobre modelagem física de fluxos gravitacionais de sedimentos
  • Estabelecer as leis de semelhança que permitam o estudo dos processos de transporte e deposição de sedimentos em deltas e em águas marinhas profundas.  
  • Simular os processos físicos que atuam na estrutura e arquitetura dos depósitos turbidíticos na sedimentação para a predição de reservatório turbidíticos
  • Atuar na capacitação de pessoal na área de modelagem física, hidráulica e sedimentologia
 

Linhas de Pesquisa

O NECOD está envolvido nos últimos 13 anos em diversos projetos de pesquisa sobre modelagem física de correntes de densidade voltado à indústria de petróleo. Esses projetos contemplam estudos em ambientes fluviais, costeiros e marinhos, análise de processos sedimentares, estudos de caso (em escala reduzida), bem como simulações físicas para calibração de modelos numéricos.
Em termos gerais as linhas de pesquisa do NECOD são:

  • Estudos da gênese (formação), transporte e deposição de sedimentos em ambientes sedimentares
  • Caracterização dos sedimentos e dos depósitos formados por correntes de densidade
  • Desenvolvimento de tecnologia, incluindo métodos de modelagem, equipamentos e instrumentos de medidas dedicados à simulação.
 

Infraestrutura

Atualmente, as instalações do NECOD contam com mais de dez modelos físicos (canais e tanques de simulação) de diversas dimensões (bi e tridimensional) que estão instalados em três pavilhões do IPH, sendo dois destes construídos com recursos captados pelos projetos desenvolvidos pelo núcleo. O NECOD ainda, possui uma ampla gama de equipamentos e instrumentação focado para a caracterização do sedimento e avaliação dos processos hidrodinâmicos e deposicionais.