CONTAGEM DIFERENCIAL DE LEUCÓCITOS

 

IMPORTÂNCIA E TÉCNICA

A contagem diferencial informa as quantidades relativas dos diferentes tipos de leucócitos no sangue periférico. Para os exames de rotina, utiliza-se para tal contagem um esfregaço de boa qualidade corado pelo panótico rápido que é levado ao microscópio para observação. No primeiro momento, a avaliação da lâmina é feita com uma objetiva de menor aumento (10x a 40x) e depois, com uma objetiva de imersão de maior aumento (100x). A contagem de células é realizada da metade para o fim da borda do esfregaço, contando 50 células na parte superior e 50 células na parte inferior do esfregaço (setas em amarelo), ou percorrendo o esfregaço de uma borda a outra (setas em vermelho), totalizando a contagem de 100 células.

 

Figura 1. Duas formas de contagem diferencial de leucócitos no esfregaço sangüíneo.

Figura 2. Microscópio.