Você está aqui: Página Inicial Notícias Howard Carter recordado com google doodle a 9 de maio

Howard Carter recordado com google doodle a 9 de maio

Howard Carter é homenageado hoje com um google doodle, que recorda este arqueólogo e egiptólogo britânico, célebre por ter descoberto o túmulo do faraó Tutankhamon, no Vale dos Reis. Carter, que nasceu a 9 de maio, desenvolveu um trabalho notável na investigação no Egito.

Howard Carter é recordado com um doodle no dia em que se assinala o seu nascimento: 9 de maio. Nasceu em Kensington, em 1874, ficando célebre por ser um dos mais importantes arqueólogos britânicos e pelas suas pesquisas em monumentos do Egito. Entre as descobertas mais relevantes de Carter está o túmulo de Amen-hotep III e de Tutmés IV.

Howard nasceu em Londres, Inglaterra, filho de Samuel Carter (um artista da área que o incentivou a seguir os seus passos) e Joyce Martha Carter. Com apenas 17 anos, o adolescente e talentoso Howard foi enviado pelo Fundo de Exploração do Egito, para apoiar Percy Newberry na escavação e registo de túmulos.

Apesar de muito jovem, Howard foi inovador nos métodos de análise aos túmulos. Em 1892, trabalhou sob a tutela de Flinders Petrie, em Amarna, a capital fundada pelo faraó Akhenaton. De 1894 a 1899, Howard Carter trabalhou com Édouard Naville em Deir el-Bahari.

Carter viria a ser nomeado inspetor-chefe, supervisionando diversas escavações em Tebas (hoje conhecida como Luxor). Trabalhou no Baixo Egito, mas acabou por se demitir do Serviço de Antiguidades, em 1905, após um inquérito sobre um caso Saqqara, entre os guardas do local egípcios e um grupo de turistas franceses.

Numa altura difícil da sua vida, em termos profissionais, Howard Carter viria a ser contratado pelo Lorde Carnarvon, para supervisionar escavações. A 4 de novembro de 1922, Carter e os seus homens encontram os degraus que levam ao túmulo de Tutankhamon.

Howard acabava de descobrir o túmulo faraónico melhor preservado alguma vez encontrado. Os meses seguintes foram dedicados a catalogar o conteúdo de antiguidades do Egito. Até que, a 16 de fevereiro de 1923, Carter encontra uma casa mortuária e o sarcófago de Tutancamon.

O trabalho de Howard Carter foi reconhecido em toda a Inglaterra e no mundo, depois de exibidos registos e provas fotográficas da descoberta do túmulo. A depuração do túmulo com milhares de objetos continuou, até 1932.

Mais tarde, Howard Carter retirou-se da arqueologia e dedicou-se a trabalhar com colecionadores e museus, entre os quais o Museu de Arte de Cleveland e o Instituto de Artes de Detroit. Participou em diversas conferências, nos Estados Unidos, provocando uma ‘egiptomania’, naquele país.

Howard Carter morreu de linfoma, em Kensington, Londres, em 2 de março de 1939. Encontra-se sepultado na capital inglesa. Hoje é recordado, com um google doodle, no dia em que completaria mais um aniversário.

 

Fonte: http://www.ptjornal.com/201205097651/geral/mundo/howard-carter-recordado-com-google-doodle-a-9-de-maio.html