Cadeias curtas e redes agroalimentares alternativas: negócios e mercados da agricultura familiar

Cadeias curtas e redes agroalimentares alternativas: negócios e mercados da agricultura familiar

Este livro apresenta os conceitos de cadeias curtas e redes agroalimentares ao público brasileiro. Cadeias curtas e redes agroalimentares são termos criados recentemente e seu uso vem crescendo entre estudiosos dos países norte global. Mas os conceitos de cadeias curtas de abastecimento e redes agroalimentares também podem ser utilizados para descrever processos que estão ocorrendo no sul global.

As cadeias agroalimentares curtas de abastecimento podem ser entendidas como expressão da vontade dos atores envolvidos em uma cadeia de valor em construir novas formas de interação entre produção e consumo mediante o resgate da procedência e da identidade dos produtos assentada não apenas em critérios de preço, mas também em valores sociais e significados simbólicos.

As cadeias curtas implicam redução ou eliminação dos interemediários nas relações entre produtores e consumidores, assim como na diminuição dos locais de passagem interna de uma cadeia de valor, encurtando o itinerário e o percurso de um alimento dentro do sistema agroalimentar.

Não é apenas uma nova linguagem para descrever fenômenos e processos antigos, mas uma referência útil tanto aos estudiosos e pesquisadores como aos mediadores e formuladores de políticas para repensar os mercados agroalimentares e as relações entre consumidores e produtores.

ISBN: 978-85-386-0338-2

Organizadores: Marcio Gazolla e Sergio Schneider.

« Novembro 2019 »
Novembro
DoSeTeQuQuSeSa
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930