Centro de Microscopia Eletrônica inaugura novo equipamento

O microscópio é dedicado a análises de alta-resolução com magnificações típicas de até 600 mil vezes. Imagem: divulgação

O microscópio é dedicado a análises de alta-resolução com magnificações típicas de até 600 mil vezes. Imagem: divulgação

No último dia 5, o Centro de Microscopia Eletrônica (CME/UFRGS) apresentou um novo equipamento que vai possibilitar a reconstrução em 3D de amostras tanto materiais quanto biológicas.

Trata-se de um microscópio de varredura, equipado com duplo feixe Auriga FEG-FIB da Zeiss. Sendo o primeiro na Região Sul do país, o equipamento é considerado de ponta em termos internacionais. O investimento gira em torno de US$ 600 mil e foi viabilizado pelo CT-INFRA, da Finep.

O microscópio é dedicado a análises de alta-resolução com magnificações típicas de até 600 mil vezes. O equipamento dispara feixes de íons e fatia a amostra em tiras, enquanto feixes de elétrons “fotografam”, possibilitando a reconstrução em formato 3D, o que garante precisão nas análises de organelas celulares ou de nanoestruturas de matérias, por exemplo.

O equipamento será testado nos meses de janeiro e fevereiro, quando será feito o seu comissionamento final. Em março, estará aberto para agenda.

O CME é uma estrutura multiusuário, que atende a 12 unidades acadêmicas. A utilização de equipamentos é aberta a qualquer projeto da UFRGS, devendo para isso ser cadastrado no portal do Centro, passando por avaliação da equipe. Os técnicos que atuam no local orientam a formação das amostras e operam os equipamentos.

 

Fonte: UFRGS Notícias

Be Sociable, Share!