Estudante da UFRGS cria ferramenta para facilitar o transporte público na capital

Imagem: Arquivo pessoal

Imagem: Arquivo pessoal

O estudante de Ciência da Computação da UFRGS Murilo Santos Bueno criou uma nova plataforma para auxiliar os usuários de transporte público de Porto Alegre em seus deslocamentos diários. O sistema, batizado de ViajeTriFácil, foi idealizado em 2013, antes de sistemas similares – como Google Transit e Moovit – estarem disponíveis para a comunidade da Capital.

Ao contrário dessas ferramentas, a solução desenvolvida por Bueno é baseada em software livre. Ele trabalhou basicamente sozinho, reunindo e adaptando códigos de mapas e de análise de infraestrutura de transporte para sugerir os itinerários no ViajeTriFácil. Os dados de linhas, trajetos e horários dos ônibus ele obteve por meio do site Data Poa.

Em desenvolvimento desde julho do ano passado, a implantação do sistema só foi concluída meses depois, em janeiro deste ano. Após uma série de testes, a ferramenta foi disponibilizada ao público, em junho, e hospedada no endereço http://mobilidade.inf.ufrgs.br/viajetrifacil.

Tentar contribuir para a melhoria da qualidade do transporte público da cidade de Porto Alegre, tanto para seus moradores como para turistas, foi o que motivou Bueno a criar o sistema. Como principal objetivo, estava o de disponibilizar uma ferramenta baseada em software livre “que permitisse consultar, de maneira fácil e rápida, os possíveis trajetos entre dois endereços distintos dentro da cidade como forma de facilitar a mobilidade para seus usuários, dando informações mais precisas sobre horários, tempo de viagem, integrações (baldeações) e melhores trajetos de ônibus”, comenta o jovem.

Em relação a melhorias na ferramenta, o estudante planeja construir soluções nativas para dispositivos móveis, visto que as soluções mobile utilizadas hoje “são apenas uma adaptação do sistema web para funcionar em dispositivos móveis feita através da ferramenta PhoneGap”, elucida.

“Acho que também seria extremamente útil possibilitar a seleção de pontos de origem e destino e a visualização de trajetos no mapa nos dispositivos móveis. Atualmente a busca e exibição de trajetos em dispositivos móveis é feita apenas em modo texto”, esclarece.

Ele também gostaria de poder disponibilizar o ViajeTriFácil para uso em outras cidades, como Viamão, Gravataí, Alvorada e Guaíba: “acho que esse poderia ser um grande diferencial da ferramenta”, acrescenta Bueno. Outra ideia é abrir o sistema para que os usuários possam, de forma colaborativa, cadastrar e editar as informações do site, para ampliar a expansão do serviço a outros municípios.

Fonte: Ufrgs Notícias