PPGEE

Programa de Pós-graduação
em Engenharia Elétrica

UFRGS

Defesa pública do Exame de Qualificação para Doutorado do aluno Alvacir Alves Tavares.

Data: 28/03/2018 - quarta-feira
Horário: 14h00min
Local: Salão de Eventos do Instituto Eletrotécnico (Av. Osvaldo Aranha, 103 - 1º andar)

Orientador: Prof. Dr. Ály Ferreira Flores Filho - PPGEE  UFRGS

Banca examinadora:
Prof. Dr. Renato Carlson - PPGEE - UFSC
Prof. Dr. Roberto Petry Homrich - DELET - UFRGS
Prof. Dr. Paulo Roberto Eckert - PPGEE - UFRGS
Suplente:
Prof. Dr. Roberto Chouhy Leborgne - PPGEE - UFRGS

Título da Proposta de Tese: "PROJETO E ANÁLISE DE GERADORES DE INDUÇÃO COM ROTOR EM GAIOLA"

Resumo:
"Com a proximidade do esgotamento dos recursos fósseis (petróleo e carvão), o receio mundial de uso da energia nuclear e o crescimento rápido do consumo de energia elétrica, a busca pelas energias renováveis se tornou intensa nas últimas décadas. Acontece que a maioria das fontes de energia renováveis ainda pouco exploradas, como o vento, ondas, pequenas aproveitamentos hidroelétricos não são bem comportados para a geração elétrica de forma que as iniciativas de sua utilização nem sempre são sustentáveis economicamente. O baixo custo inicial, a pequena manutenção e possibilidade de trabalhar em faixas de velocidades maiores do que as do gerador síncrono torna o gerador de indução competitivo em muitas aplicações. O gerador de indução tem, no entanto, problemas clássicos como o consumo importante de energia reativa, dificuldades em manter constante a frequência e a tensão quando alimentando sistemas isolados onde a carga e velocidade variam no tempo.  O gerador de indução pode, então,  ser usado em instalações isoladas, distantes das redes das concessionárias, onde os consumidores não são muito exigentes quanto à qualidade de energia ou ser conectado às redes existentes fornecendo energia às mesmas e recebendo estabilidade para a frequência e tensão. O quase perfeito uso desta máquina como motor não garante o mesmo comportamento como gerador, o que justifica o estudo de um projeto específico neste outro modo de operação. Como gerador o circuito magnético entra mais na saturação que um motor, mesmo que a tensão e frequência do estator sejam mantidas constantes como costuma acontecer quando o gerador alimenta uma rede existente. No caso de operação isolada, em algumas opções de projeto, é explorada mais profundamente a saturação a fim de melhorar a estabilidade da tensão. Este trabalho propõe-se a estudar o seu circuito magnético a fim de melhor modelar o ramo de excitação e avaliar as suas perdas, em especial, as magnéticas.
 
Palavras-chave: Gerador de indução, projeto de geradores de indução, análise de geradores de indução."