Corpo Docente


Analúcia Danilevicz Pereira - Professora de Relações Internacionais da Universidade Federal do Rio Grande do Sul/UFRGS e do Programa de Pós-Graduação em Estudos Estratégicos Internacionais/UFRGS. É Doutora em História pela UFRGS com Especialização em Processos de Integração na Ásia, Europa e América Latina pela Universiteit Leiden - Holanda. Realiza atividades de ensino e pesquisa na área de História e de Relações Internacionais, especialmente em História Mundial Contemporânea, Relações Internacionais Contemporâneas (ênfase em África e Ásia) e Política Externa Brasileira.

André Luiz Reis da Silva - Pós-doutorado em Relações Internacionais pela School of Oriental and African Studies/ University of London (2013). Doutor em Ciência Política (2008), Mestre em História (1999), Bacharel (1999) e Licenciado em História (1995) pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Possui curso de Especialização em Processos de Integração pela Universidade de Leiden/Holanda (1999). É Professor Adjunto no Curso de Graduação em Relações Internacionais da UFRGS e dos Programas de Pós-Graduação em Ciência Política (UFRGS) e Estudos Estratégicos Internacionais (UFRGS). Desde dezembro de 2014, é o Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Estudos Estratégicos Internacionais (Mestrado e Doutorado) da UFRGS. Foi coordenador do Curso de Graduação em Relações Internacionais da UFRGS (2011-2013) e Coordenador da Comissão de Extensão da Faculdade de Ciências Econômicas (2010-2011). Editor da Revista Conjuntura Austral (ISSN 2178-8839). Membro da Comissão Assessora da área de Relações Internacionais do INEP/Ministério da Educação. Coordenador Adjunto do GESPI (Grupo de Pesquisa em Segurança e Política Internacional) da UFRGS e pesquisador do CEGOV (Centro de Estudos Internacionais sobre Governo). Pesquisa Relações Internacionais Contemporâneas, com foco nos países em desenvolvimento, e Política Externa Brasileira.

André Moreira Cunha - Possui graduação em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1992), mestrado em Ciências Econômicas pela Universidade Estadual de Campinas (1995), doutorado em Ciências Econômicas pela Universidade Estadual de Campinas (2001) e pós-doutorado pela University of Cambridge (2011). Atualmente é professor adjunto da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Pesquisador do CNPq. Professor visitante na Universidade de Leiden (Holanda, 2006) e Pesquisador Associado do Centro de Estudios Brasileños del Instittuto Universitario de Investigación Ortega y Gasset (Espanha, desde 2004). Foi professor da Unisinos (1995-2003) e Assessor da Diretoria do BRDE (1999-2003). Tem experiência na área de Economia, com ênfase em Balanço de Pagamentos; Finanças Internacionais, atuando principalmente nos seguintes temas: globalização, desenvolvimento econômico, crises financeiras, integração econômica e economias asiáticas.

Eduardo Ernesto Filippi - 39, Doutor em Economia Política (Université de Versailles Saint-Quentin-en-Yvelines, França, 2004), Mestre em Economia Rural (UFRGS, 1997) e Bacharel em Ciências Econômicas (UFRGS, 1993). Professor Adjunto (UFRGS), vinculado ao Departamento de Ciências Econômicas no qual ministra disciplinas para os cursos de Economia e de Relações Internacionais. Professor e pesquisador nos Programas de Pós-Graduação em Desenvolvimento Rural (PGDR) e em Economia (PPGE). Em 2003/2004 atuou como consultor do PNUD - Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (África do Sul e Moçambique). Professor colaborador no Doutorado em Ciências Sociais da UNI-CV (Cabo Verde) e nos Programas de Pós-Graduação em Economia da UFRR (Boa Vista, RR) e da UEMS (Dourados, MS). Áreas de interesse/pesquisa: Economia Brasileira e Economia Política / Desenvolvimento socioeconômico, com ênfase em Economia Ecológica e em Desenvolvimento territorial.

Érico Esteves Duarte - Professor de Estudos Estratégicos e Relações Internacionais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Doutor (2009) e Mestre (2003) em Ciências em Estudos Estratégicos pelo Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia (COPPE) da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Bacharel em Relações Internacionais pela Universidade de Brasília.Membro do Grupo de Estudos Estratégicos (GEE) da COPPE/UFRJ e do Núcleo de Estratégia e Relações Internacionais (NERINT).

Fábio Costa Morosini - Pesquisador do CNPq. Professor do Programa de Pós-Graduação em Direito e Professor Adjunto da Faculdade de Direito da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Pós-doutor pela Organização Mundial do Comércio. Ph.D. em Direito Internacional pela University of Texas at Austin (2007), mestrado em Master of Laws pela University of Texas at Austin (2001) e mestrado em D.E.S.S. Droit et Globalisation Économique pela Université de Paris I (Pantheon-Sorbonne) e Institut dÉdutes Politiques de Paris (Sciences Po) (2004), especialização em Direito Internacional pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2000) e graduação em Ciências Jurídicas e Sociais pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1999). Tem experiência na área de Direito, atuando principalmente nos seguintes temas: Direito Internacional Público e Privado, Organização Mundial do Comércio, Direito Comparado, e Metodologia de Pesquisa em Direito.

Fernando Ferrari Filho - Professor Titular do Departamento de Economia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e Pesquisador do CNPq. Doutor em Economia pela Universidade de São Paulo e pós-doutorado em Economia pela University of Tennessee e pela University of Cambridge. Ex-Visiting Scholar no Departament of Economics da University of Illinois, Fleming Visiting Fellow in Economics no Centre for Brazilian Studies da University of Oxford e Glynn Visiting International Scholar na The Williams School of Commerce, Economics, and Politics da Washington and Lee University. Autor de artigos publicados em periódicos nacionais e internacionais (tais como Revista de Economia Contemporânea, Revista de Economia Política, Ensaios FEE, Nova Economia, Revista Análise Econômica, Journal of Post Keynesian Economics, Journal of Economic Issues e Investigación Económica), de capítulos de livros (editados no Brasil e no exterior) e de livros (tanto em autoria quanto em co-autoria), relacionados aos seguintes tópicos: teoria pós-keynesiana, macroeconomia aberta, políticas de estabilização e sistema monetário internacional.

Hélio Henkin - possui graduação em Ciencias Economicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1981) , mestrado em Economia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1992) e doutorado em Economia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2001) . Atualmente é Professor Adjunto II da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Tem experiência na área de Economia , com ênfase em Economia Industrial. Atuando principalmente nos seguintes temas: indústria moveleira, Competitividade, estratégia competitiva, resposta estratégica, ambiente competitivo e agrupamento setorial.

Henrique Carlos de Oliveira de Castro é doutor e mestre em Ciência Política pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (respectivamente 2000 e 1995). Realizou pós-doutorado na École des hautes études en science sociales (Paris, França) em 2010/2011, estágio doutoral (sanduíche) no Institute for Social Research da Universidade de Michigan em 1999 com o Prof. Ronald Inglehart e cursos de especialização em Metodologias Qualitativas e Quantitativas de Pesquisa pela Universidade de Michigan em 1996 e 1999. É professor do curso de Relações Internacionais da Universidade Federal do Rio Grande do Sul desde 2013. Foi professor da Universidade de Brasília (UnB), lotado no CEPPAC (Centro de Pesquisa e Pós-graduação sobre as Américas) de 2000 a 2013 e também diretor do DATAUnB (Centro de Pesquisa de Opinião Pública - Pesquisas Sociais Aplicadas) entre 2004 e 2008. Foi professor do Departamento de Ciência Política da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1996) e do Programa Intensivo de Metodologia Quantitativa da Universidade Federal de Minas Gerais (2000 e 2001). É membro da Associação Brasileira de Ciência Política, da Sociedade Brasileira de Sociologia, da qual foi Secretário Geral (2004 a 2005), e da World Values Survey Association. Atualmente coordena cinco projetos de pesquisa, dentre os quais se destaca a coordenação no Brasil da Pesquisa Mundial de Valores (World Values Survey), realizada em cerca de 80 países. É professor de metodologia de pesquisa, cultura política e políticas públicas.

Jacqueline Angélica Hernández Haffner - Possui graduação em Ciências Econômicas pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (1989), mestrado em História pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1995) , doutorado em História pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1999) e pós-doutorado em Economia pela Universidade Federal do Rio grande do Sul (2001). Atualmente e professor adjunto da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Tem experiência na área de Economia, com ênfase em História Econômica e Economia Internacional.

José Miguel Quedi Martins - José Miguel Quedi Martins é professor na UFRGS, com experiência nas áreas de Ciência Política e Relações Internacionais. É pesquisador do Núcleo de Estratégia e Relações Internacionais (NERINT-UFRGS), com ênfase nos temas Integração Regional, Conflitos Internacionais, Guerra Local e Digitalização. Sua atuação principal se dá nas áreas de política internacional e Estudos Estratégicos.

Luiz Augusto Estrella Faria - possui graduação em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1979), mestrado em Economia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1991) e doutorado em Economia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2001). Atualmente é técnico da Fundação de Economia e Estatística, editor da revista Indicadores Econômicos FEE e professor adjunto da Universidade Federal do Rio Grande do Sul nos cursos de pós-graduação em Economia e em Relações Internacionais e nos cursos de graduação em Ciências Econômicas e em Relações Internacionais. Foi professor visitante na Universidade de Estocolmo (Stockholms Universitet) em 2009 e na Universidade de Economia de Viena (Wirtschaftsuniversitet Wienn) em 1995. Tem experiência na área de Economia, com ênfase em Economia Política e Economia Internacional, atuando principalmente nos seguintes temas: economia brasileira, integração econômica, globalização, relações exteriores do Brasil e Mercosul.

Marcelo Milan - Possui graduação em Economia pela Universidade de São Paulo (1998), mestrado em Economia pela Universidade de São Paulo (2002) e doutorado em Economics - University of Massachusetts at Amherst (2008). Atualmente é professor Adjunto I de economia na Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Professor visitante na Universidade de Wisconsin (EUA, 2011). Foi professor da University of Rhode Island (2007-2008) e na University of Wisconsin (2008-2010). Tem experiência na área de Macroeconomia Financeira e Economia Política Radical, com ênfase em Moeda e Bancos, Finanças, Economia política dos EUA e do Brasil, atuando principalmente nos seguintes temas: derivativos financeiros e financeirização, crises financeiras, regulação financeira, macroeconomia pós-keynesiana e radical, economia comportamental e história econômica e financeira.

Marco Aurélio Chaves Cepik - Marco Cepik é professor na UFRGS, onde desenvolve atividades de pesquisa, ensino, orientacao e consultoria em tres areas: Estudos sobre Inteligencia, Seguranca Internacional e Governo e Digitalização. Pesquisador do Nucleo de Estrategia e Relacoes Internacionais (NERINT-UFRGS), do Centro de Estudos Internacionais sobre Governo (CEGOV-UFRGS) e do Centro de Estudos de Inteligencia Governamental (CEIG-UFMG), ate 2010 Cepik havia publicado 07 livros, 23 capitulos de livros e 21 artigos cientificos. Marco Cepik foi pesquisador / professor visitante na Indiana University of Pennsylvania (1997-1998), na FLACSO Ecuador (2003 e 2006), na National Defense University em Washington-D.C. (2000 e 2002) e na Naval Post Graduate School em Monterey-CA (2004), dentre outras instituicoes no Brasil e no exterior. Em 2005, foi bolsista de Pós-doutorado do CNPq na Universidade de Oxford, no Reino Unido.

Paulo Gilberto Fagundes Vizentini - Professor Titular de Relações Internacionais da Universidade Federal do Rio Grande do Sul(UFRGS). Pós-doutorado em Relações Internacionais pela London School of Economics (1997), Doutor em História Econômica pela Universidade de São Paulo (1993), Mestre em Ciência Política pela UFRGS (1983), Bacharel e Licenciado em História pela UFRGS (1980). Diretor do Instituto Latino-Americano de Estudos Avançados da UFRGS (1998-2002) e Secretário de Relações Internacionais da Reitoria da UFRGS (2004-2008). Professor Visitante no NUPRI/USP, na Universidade de Leiden e Pesquisador no International Institute for Asian Studies e Centro de Estudos Africanos (Leiden Univ, Holanda). Coordena o Centro de Estudos Brasil-África do Sul - CESUL/UFRGS/FUNAG-MRE. Especialidade: História Mundial Contemporânea, Relações Internacionais Contemporâneas e Política Externa Brasileira.

Sonia Maria RanincheskiPossui doutorado em Sociologia com ênfase em Estudos Comparados Sobre As Américas pela Universidade de Brasília (2004), mestrado em Ciência Política pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1998) e graduação em História pela mesma universidade (1988). Realizou Pós-Doutorado em Sociologia na École de hautes études en sciences sociales (EHSS), Paris, França (2010 e 2011), cursos de especialização em pesquisa social quantitativa na Universidade de Minas Gerais (UFMG) em 1998 e estágio doutoral (sanduíche) no Uruguai, onde fez pesquisa inédita sobre o parlamento uruguaio. É professora no Departamento de Relações Internacionais da UFRGS desde fevereiro de 2013. Foi professora do Centro de Pesquisa e Pós-graduação sobre as Américas da Universidade de Brasília de 2005 a 2013. É consultora ad hoc de cooperação internacional da CAPES, tendo participado de formulação e avaliação de programas e de missões de trabalho em diversos países. Foi Diretora e Coordenadora de Pós-graduação do Centro de Pesquisa e Pós-graduação sobre as Américas da UnB de 2006 a 2008. Coordenou programas de cooperação internacional com a Espanha, Bolívia e Argentina financiados pela Capes e Ministério da Educação (Brasil e Bolívia). Integra o Comitê Executivo (2010-2014) da Brazilian studies Association BRASA. Coordena o grupo de pesquisa Brasil-paises andinos ( GT - CNPq) e é membro do grupo de pesquisa do Cambridge Institute for Brazilian Studies. Lidera o grupo de pesquisa "Brasil e paises andinos em perspectiva comparada", certificado pelo Cnpq. Dedica-se ao estudo sobre a América Latina e trabalha com os temas: elites políticas (parlamentares, sindicais e empresariais), legislativo e política social, políticas públicas e pensamento latinoamericano. É membro da Associação Brasileira de Relações Internacionais - ABRI.




Suporte
© 2012 Programa de Pós-Graduação em Estudos Estratégicos Internacionais
Universidade Federal do Rio Grande do Sul