Uso da vitamina D como coadjuvante no tratamento da dor neuropática

Pesquisa da mestranda Maria Quevedo (orientada da Profa. Wania Partata) procura descobrir relações entre a administração da vitamina D e a dor neuropática
Uso da vitamina D como coadjuvante no tratamento da dor neuropática

Equipe da professora Wania Partata

PPG Fisiologia > Como sua pesquisa envolve a vitamina D com o tratamento para dor e como isso pode ajudar pacientes no futuro?

 

Maria Quevedo > A vitamina D é obtida mediante exposição solar ou consumo de alimentos como salmão, gema de ovo, cogumelo, etc. A vitamina D é essencial para o metabolismo ósseo, sendo recomendada para prevenção de doenças como raquitismo, osteoporose, tumores ósseos ou outras doenças que acometam ossos. Interessantemente, o papel da vitamina D parece muito mais amplo. Diversas pesquisas mostraram que a vitamina D parece ter potencial analgésico em determinadas condições dolorosas. Os estudos onde se fizeram administração da vitamina D mostraram que ela foi capaz de atenuar a sensação dolorosa em pacientes acometidos por dor. No entanto, devemos lembrar que existem diversos tipos de dor e, consequentemente, existem diversos mecanismos que atuam para a manifestação da condição dolorosa.

Nosso grupo de pesquisa estuda um tipo específico de dor conhecida como dor neuropática. A dor neuropática é aquela que resulta de doença ou lesão que afeta o sistema nervoso. Esse tipo de dor é de difícil tratamento e ocasiona perda de qualidade de vida do paciente. O principal tipo de tratamento é feito por fármacos que estão associados a diversos efeitos colaterais e, muitas vezes, com eficácia limitada. Portanto, nosso objetivo é procurar outras opções que possam ajudar no tratamento da dor neuropática, como a vitamina D. Para o estudo, mimetiza-se uma condição de dor neuropática em ratos, pois assim podemos estudar os possíveis mecanismos pelo qual a vitamina D atua, além de oferecer contribuições para maior entendimento acerca da dor neuropática. Esperamos que nossos resultados tragam subsídios ao entendimento da relação entre vitamina D e dor neuropática e, no futuro, o possível uso dessa vitamina como tratamento coadjuvante na dor neuropática. 

Fale com a gente (talk to us)

ppgfisio@ufrgs.br
Fone:  3308 3453
 
Horário de Atendimento: 
de segunda à sexta-feira, 
das 9h30 às 12h30
e das 13h30 às 18h30
---------------------------------------

Phone Number/Nuestro teléfono:
55-51-3308-3453