Interfaces Digitais em Educação, Arte, Linguagem e Cognição

Projeto: Arquivo e Testemunho de Vidas Infames: Restos de Vida que Insistem

Início: 01/01/2012

Descrição: O presente projeto de pesquisa, que toma o Hospital Psiquiátrico São Pedro (HPSP)/Porto Alegre/RS como campo empírico, centra-se nas obras produzidas pela Oficina de Criatividade, pelo Ateliê de escrita e aquelas acumuladas no Acervo da Oficina de Criatividade que funciona no referido hospital desde 1990, cuja produção já acumulou mais de cem mil obras produzidas por pacientes submetidos ao regime da longa internação. Tal processo encontra-se em andamento desde o ano de 2001, congregando uma equipe de estudantes de arte, de história e de psicologia em diferentes níveis de formação. No seu momento atual, suas ações se voltam para a produção de testemunhos das vidas infames que convivem em atividades diárias no âmbito do HPSP, seja em regime de internação, seja em regime ambulatorial. Implica, ainda, em elevar as produções expressivas ao estatuto de testemunhos, entendendo sua manifestação e sentido como a tomada da palavra por aqueles que estiveram emudecidos e barrados na possibilidade dos discursos que os abateu e nomeou. Refere-se, assim, a um novo tracejar da história da loucura, agora dita em primeira pessoa, assumindo o teor testemunhal daqueles que sofreram sua própria história como trauma e alienação. Não se pretendendo totalizante, tal experimentação carrega ainda consigo tanto a potência de um confronto com os arquivos oficiais de saberes sobre a loucura, como seu mal ou ruína, pois agora, trata-se de colocar em cena outros elementos experienciais e subjetivos que, mesmo não tendo a qualidade da completude, sendo imparciais e talvez titubeantes, ainda assim, tornam-se um gesto cuja função histórica e clínica correspondem ao enfrentamento da infâmia da loucura como trauma existencial e histórico. A questão da inclusão linguística daqueles impossibilitados de serem ouvidos e de se pronunciarem, nos leva, ainda, a percorrer a questão do própria linguagem e as posições de sujeito frente ao discurso. Pronunciar-se, aqui, carrega, sem dúvida, um efeito clínico.

Participante - Categoria:

  • CARMEN INES DEBENETTI - Participante Externo
  • DANIEL DE MAMAN ROITMAN - Participante Externo 
  • JULIANE TAGLIARI FARINA - Participante Externo     
  • LEONARDO MARTINS COSTA GARAVELO - Participante Externo      
  • LETICIA ZAT DE VARGAS - Participante Externo        
  • LUCIANA KNIJNIK - Participante Externo        
  • REGINA LONGARAY JAEGER - Participante Externo  
  • SUELCI NEUSA KERN HICKER - Participante Externo           
  • TANIA MARA GALLI FONSECA - Docente

 

Projeto: Civitas/Città - Provia

Início: 01/02/2016

Descrição: O Laboratório de Estudos em Linguagem Interação e Cognição/Criação – LELIC, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS - desenvolve diferentes temas de pesquisa através de dois projetos (CIVITAS/CITTÀ, PROVIA) que interagem fortemente entre si: estão voltados, o primeiro, à formação continuada de professores em serviço apoiada, interacionalmente, ao mesmo tempo por reuniões de estudo presenciais e a distância; e o segundo, à interação em ambientes virtuais de aprendizagem ou ao uso de tecnologias digitais diversas como ferramentas para aprendizagens, enquanto apoio à docência e à formação, à produção de práticas sociais e educativas inventivas. Ambos os projetos têm foco na pesquisa e formação interdisciplinar e na cooperação (inter)institucional proporcionando um ambiente para constituição de redes de inteligência e de convivência relacional comprometidas com processos de criação e autoria coletiva. Mais especificamente, o projeto CIVITAS estende-se simultaneamente ao âmbito da Pesquisa Acadêmica e da Extensão Universitária, buscando, em consonância com uma orientação ético-estética, novos modos de operar nos contextos educativos e de investigação na Educação Básica, com metodologias alternativas de produção e intervenção que incluem também, mas não exclusivamente, tecnologias com conteúdos digitais. http://www.ufrgs.br/lelic/index.php/projetos-de-pesquisa/civitas Já o PROVIA investiga efeitos dos acoplamentos tecnológicos digitais com os diferentes campos empíricos e do saber institucionalizado e modos de subjetivação emergentes nos planos da criação estética, da produção de sentido e autoria, das aprendizagens e da construção do conhecimento. http://www.ufrgs.br/lelic/index.php/projetos-de-pesquisa/provia.

Participante - Categoria:

  • ALINE SANTOS OLIVEIRA - Participante Externo        
  • ANDREA APARECIDA KONZEN DA SILVA - Participante Externo      
  • ARMANDO JOAO ZAVALA - Discente - Doutorado      
  • BEATRAN HINTERHOLZ - Participante Externo          
  • Brígida Martins D'oliveira Singo - Participante Externo   
  • CACILDA RAFAEL NHANISSE - Discente - Doutorado
  • CELSO SISTO SILVA - Participante Externo    
  • CINTIA INES BOLL - Participante Externo        
  • CRISTINA DA RESSUREICAO MARTINHO - Participante Externo      
  • ELISEO BERNI REATEGUI - Docente 
  • EVANDRO ALVES - Participante Externo         
  • FELISBERTO FELIX SINGO - Participante Externo
  • HERIDAN DE JESUS GUTERRES PAVAO FERREIRA - Participante Externo
  • JOELMA ADRIANA ABRAO REMIAO - Participante Externo    
  • MARGARETE AXT (Responsável pelo Projeto) - Docente         
  • MARIBEL SUSANE SELLI - Discente - Doutorado        
  • PALOMA DIAS SILVEIRA - Participante Externo          
  • PAULA MARQUES DA SILVA - Participante Externo    
  • RODOLFO CIPRIANO JOAO SALGADO - Discente - Doutorado          
  • ROSANGELA SILVEIRA GARCIA - Discente - Doutorado        
  • SANSAO ALBINO TIMBANE - Participante Externo

 

Projeto: Corpo, Arte e Clínica nos Modos de Trabalhar e Subjetivar

Início: 01/01/2006

Descrição: Nosso atual programa de pesquisa destaca o corpo, a arte e a clínica como categorias privilegiadas na análise dos modos de trabalhar e dos modos de subjetivar. Buscarmos cortar os processos de trabalho e de subjetivação com ferramentas conceituais e metodológicas extraídas do corpus da Filosofia da Diferença. Encontramos em Gilles Deleuze, Félix Guattari e Michel Foucault intercessores que nos possibilitam ampliar a aprofundar nosso desafio construtivista. os autores nos abrem caminhos ao pensamento e possibilitam-nos operar um regime de minoração que, por sua vez convoca o corpo em seu plano vibrátil e sensível, a clínica como potência crítica ao instituído e a arte como plano da poiese, plano da criação e da diferençação. Sub-Projeto: MODOS DE TRABALHAR, MODOS DE SUBJETIVAR NO CONTEXTO DA REFORMA PSIQUIÁTRICA: O INVISÍVEL DA ESCRITA PSICÓTICA: IMAGEM-TEMPO Nosso interesse refere-se ao trabalho de escrita de pacientes psicóticos, o que nos permitirá articular as categorias corpo, arte e clínica, atuais focos privilegiados do plano de nossa pesquisa. Esta, se desenvolverá junto ao Hospital Psiquiátrico São Pedro (HPSP), mais especificamente junto à sua Oficina de Criatividade, espaço de atividades expressivas no qual pacientes psicóticos, moradores do Hospital, já por muitas décadas, desenvolvem atividades de pintura, desenho, escrita, bordado e argila. Partiremos de um conjunto de cadernos escritos por uma paciente e que, de uma certa maneira, impressionou-nos do ponto de vista de sua poética, cuja imagem de sua caligrafia e de suas mensagens nos convoca à exploração. Nossa atenção neste trabalho estará voltada para duas direções de análise. A primeira se refere à investigação do processo de "digitalização", que transforma sua escrita em imagem pura, desnudada de significados. A segunda direção se constitui na exploração do seu "procedimento" lingüístico, uma viagem por regiões em que o pensamento se arrisca a naufragar a e a linguagem parece se decompor. Contaremos com a participação de uma bolsista de Iniciação Científica.

Participante - Categoria:

  • ANDREA DO AMPARO CAROTTA DE ANGELI - Participante Externo 
  • ANDREIA MACHADO OLIVEIRA - Participante Externo           
  • BIANCA SORDI STOCK - Participante Externo
  • CARMEN INES DEBENETTI - Participante Externo     
  • CHRISTIANE SIEGMANN - Participante Externo         
  • DEBORA DE MORAES COELHO - Participante Externo          
  • ELENICE MATTOS CORREA - Participante Externo    
  • FERNANDA SPANIER AMADOR - Participante Externo          
  • JOSE MARIO D AVILA NEVES - Participante Externo  
  • JULIA DUTRA DE CARVALHO - Participante Externo  
  • JULIANE TAGLIARI FARINA - Participante Externo     
  • LUCIANA RODRIGUEZ BARONE - Participante Externo         
  • LUIS ARTUR COSTA - Participante Externo    
  • LUISA MARIA NUNES VIEIRA RIZZO - Participante Externo   
  • PATRICIA BEATRIZ ARGOLLO GOMES KIRST - Participante Externo  
  • PATRICIA SPINDLER - Participante Externo   
  • TANIA MARA GALLI FONSECA (Responsável pelo Projeto) - Docente 
  • VILENE MOEHLECKE - Participante Externo

 

Projeto: Desenvolvimento e Avaliação de Jogos/Objetos Educacionais para Plataformas Móveis

Início: 01/01/2011

Descrição: Este projeto se refere ao desenvolvimento e teste de jogos educacionais para celular. Utilizando uma metodologia adaptada para softwares educacionais, descreve-se o processo desde a decisão pelo formato até a criação da identidade visual e a programação.

Participante - Categoria:

  • GABRIELA TRINDADE PERRY (Responsável pelo Projeto) - Docente 
  • MARCELO LEANDRO EICHLER - Participante Externo

 

Projeto: O Design e o Projeto de Recursos Digitais

Início: 01/01/2016

Descrição: Neste projeto pretende-se levantar bases para construir um posicionamento acerca do design de interfaces para recursos educacionais, considerando aspectos cognitivos relativos ao projeto. Metodologias de projeto, design de interfaces e de interação, avaliação pedagógica e de usabilidade são interesses deste projeto.

Participante - Categoria:

  • GABRIELA TRINDADE PERRY (Responsável pelo Projeto) - Docente 
  • MARCELO LEANDRO EICHLER - Participante Externo           
  • MARLISE BOCK SANTOS - Discente - Doutorado

 

Projeto: Oficinando em Rede

Início: 01/01/2004

Descrição: O Oficinando em Rede é um Programa de Ensino, Pesquisa e Extensão que tem como objetivo analisar as possibilidades de uso das tecnologias da informação e comunicação nos modos de atenção e gestão da saúde mental, priorizando a noção de rede como operadora de conexões entre diferentes posições de sujeitos, saberes e práticas. Sua metodologia de trabalho sustenta-se na pesquisa-intervenção, modalidade de investigação na qual o campo é constituído conjuntamente pelas ações e práticas tanto do pesquisador como dos atores e instituições envolvidos. Atualmente, o Programa desdobra suas ações de ensino, pesquisa e extensão através de um trabalho conjunto entre a Universidade Federal do Rio Grande do Sul e o Centro Integrado de Atenção Psico-Social (CIAPS) do Hospital Psiquiátrico São Pedro (HPSP). Neste serviço foi implementado um laboratório de informática onde acontecem regularmente oficinas que congregam crianças e jovens, internados e em atendimento ambulatorial. As oficinas tomam como meio de trabalho diversos artefatos simbólicos produzidos pela cultura: escrita, imagens, fotografia, música... Em consonância com o paradigma que dá sustentação ao Programa, a ação fundadora do Oficinando, que consistiu na instalação do laboratório no CIAPS, foi planejada e efetuada em uma articulação conjunta entre professores e alunos de graduação e pós-graduação de diferentes unidades da UFRGS e técnicos funcionários do CIAPS/HPSP.

Participante - Categoria:

  • ANDRE KRAEMER BETTS - Participante Externo       
  • CARLOS ALBERTO BAUM DA SILVA - Participante Externo   
  • CLECI MARASCHIN (Responsável pelo Projeto) - Docente      
  • DANIEL BOIANOVSKY KVELLER - Participante Externo         
  • DEBORA ISABEL MEDEIROS - Participante Externo   
  • ETIANE ARALDI - Participante Externo
  • GRACE VALI FREITAG TANIKADO - Participante Externo       
  • LUCIANO FERREIRA PICCOLI - Participante Externo 
  • LUIS ARTUR COSTA - Participante Externo    
  • NITHIANE CAPELLA FARIAS - Participante Externo    
  • RAQUEL BRONDISIA PANIZZI FERNANDES - Participante Externo   
  • RAQUEL SALCEDO GOMES - Discente - Doutorado   
  • REBECA FERREIRA ANDREOLLA - Participante Externo       
  • RENATA FISCHER DA SILVEIRA KROEFF - Participante Externo      
  • VANESSA SOARES MAURENTE - Participante Externo

 

 Projeto: Oficinando em Rede: Aprendizagem, Jogos de Localização e Articulações Físico-Virtuais

Início: 01/03/2015

Descrição: O projeto aqui apresentado se define em continuidade e desdobramento ampliado do projeto OFICINANDO EM REDE: PROCESSOS DE APRENDIZAGEM E JOGOS LOCATIVOS, . No percurso do referido projeto, desenvolvemos o jogo de localização denominado ?Um dia no Jardim Botânico? para ser utilizado como instrumento de pesquisa e de intervenção a partir de uma parceria entre a UFRGS e o Jardim Botânico de Porto Alegre. A questão que norteia a pesquisa consiste em mapear como os modos de jogar um jogo móvel de localização podem dar evidência de processos de aprendizagem concernentes a sistemas complexos pelas articulações físico-virtuais que demandam. Na sequencia do desenvolvimento do projeto prevê-se cinco ações: (1) a realização de novas oficinas para jogar com estudantes de 4° e 5° anos do ensino fundamental de escola pública vizinha ao Jardim Botânico; (2) a modificação do jogo na busca de uma versão cada vez mais estável e que inclua sugestões advindas de seu uso nas oficinas; (3) a análise dos modos de jogar e seus efeitos na aprendizagem de sistemas complexos que articulam espaço físico e espaço virtual; (4) o acompanhamento assistemático do uso do jogo pelos visitantes do Jardim Botânico e (5) a documentação tanto do jogo quanto dos resultados da pesquisa na forma de relatórios, artigos e livro.

Participante - Categoria:

  • CARLOS ALBERTO BAUM DA SILVA - Participante Externo   
  • CLECI MARASCHIN (Responsável pelo Projeto) - Docente      
  • LUIS ARTUR COSTA - Participante Externo    
  • POTI QUARTIERO GAVILLON - Participante Externo   
  • RAQUEL SALCEDO GOMES - Discente - Doutorado   
  • RENATA FISCHER DA SILVEIRA KROEFF - Participante Externo

 

 Projeto: Oficinando em Rede: Experiências de si em Espaços de Afinidade com Vídeo Games

Início: 01/01/2011

Descrição: A importância que os vídeo games assumem na cultura faz com que abram questões tanto para a educação como para a saúde. Tal circunstância está fazendo emergir uma nova área de estudos e de pesquisas que busca estudar os games e sua relação com a aprendizagem e com a sociedade. Esse projeto de pesquisa filia-se a essa área de estudos, a partir de uma trajetória de pesquisas da proponente, em relação as TIC tanto na saúde como na educação. O objetivo da presente pesquisa é acompanhar os modos de jogar de sujeitos, iniciantes e iniciados, para analisar como essa experiência faz emergir percepções de si e o quanto essas possibilitam condições de normatividade nos espaços de afinidade decorrentes dos jogos. Trata-se de um estudo de natureza qualitativa, que utiliza como método a pesquisa-intervenção. Toma como campo empírico as oficinas de jogos com jovens abarcados pelo Programa de Saúde da Família (PSF) Vila Viçosa/ POA e estudantes universitários dos cursos de Psicologia e de Serviço Social da UFRGS. Como resultado espera-se poder mapear as diferentes características dos jogos e seus efeitos na experimentação de si e de coletivos, além de manter o intercambio com os grupos de pesquisa que participo no estagio de pós-doutoramento que ora desenvolvo na Universidade de Wisconsin-Madison/EUA. Palavras-chave: video games, espaços de afinidade, experiências de si.

Participante - Categoria:

  • CLECI MARASCHIN (Responsável pelo Projeto) - Docente      
  • DANIEL BOIANOVSKY KVELLER - Participante Externo         
  • GRACE VALI FREITAG TANIKADO - Participante Externo       
  • NITHIANE CAPELLA FARIAS - Participante Externo    
  • RAFAEL DIEHL - Participante Externo  
  • REBECA FERREIRA ANDREOLLA - Participante Externo
  • ROSEMARIE GARTNER TSCHIEDEL - Participante Externo

 

Projeto: Pesquisa e Avaliação de Práticas Inovadoras para a Inclusão da Escola na Cultura Digital

Início: 01/01/2012

Descrição: Este projeto de pesquisa tem por objetivo contribuir com o estudo, a implementação e a avaliação de práticas pedagógicas inovadoras suportadas pelas tecnologias digitais, sobretudo no contexto da modalidade de aprendizagem um computador para um aluno , que promovam o desenvolvimento e a construção de conhecimento dos alunos da rede educacional pública brasileira. Parte-se do pressuposto de que, ao incluir a escola na cultura digital, o Programa UCA abre perspectivas para uma mudança de paradigma na educação, possibilitando a transição da orientação de avaliação pelo desempenho para a orientação voltada ao desenvolvimento humano. Busca-se promover uma investigação integrada e interdisciplinar, com base na rede estabelecida por três universidades e oito escolas participantes do piloto do Programa UCA no estado do Rio Grande do Sul. O projeto constitui-se como um estudo de caso com oito unidades de análise que contemplam diferentes práticas orientadas para o desenvolvimento com o apoio de recursos disponibilizados pelos laptops educacionais e perpassam os diferentes eixos cognitivos propostos pelas matrizes de referência Linguagem, códigos e suas tecnologias, Ciências Humanas e Sociais e suas tecnologias, Ciências da Natureza, Matemática e suas tecnologias, que atendem objetivos definidos pelos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs). Mapas conceituais e entrevistas baseadas no Método Clínico Crítico Piagetiano complementam a proposta, de modo a oportunizar o acompanhamento da aprendizagem, da conceituação, do desenvolvimento sócio-afetivo e das construções de alunos e professores na modalidade 1 para 1 . O estudo inclui comprovação de tratamentos estatísticos para avaliar a retenção da aprendizagem pelos alunos e analisa as possibilidades de compartilhamento em redes de escolas UCA.

Participante - Categoria:

  • ANUAR DAIAN DE MORAIS - Participante Externo     
  • BRUNO FAGUNDES SPERB - Participante Externo    
  • CARLA BEATRIS VALENTINI - Participante Externo    
  • CRISTINA MARIA PESCADOR - Participante Externo 
  • DANIEL DE QUEIROZ LOPES - Participante Externo   
  • DARIO CLAROS MERCADO - Participante Externo     
  • DECIO TATIZANA - Participante Externo         
  • DIUALI FAGUNDES JOST - Participante Externo         
  • EDSON LUIZ LINDNER  - Participante Externo
  • EDUARDO BRITTO VELHO DE MATTOS - Discente - Doutorado        
  • ITALO MODESTO DUTRA - Participante Externo         
  • LEA DA CRUZ FAGUNDES (Responsável pelo Projeto) - Docente       
  • MARCUS VINICIUS DE AZEVEDO BASSO - Docente
  • MARIA CRISTINA VILLANOVA BIASUZ - Docente      
  • MARIA INES HOCEVAR BROCHADO - Participante Externo   
  • MARLUSA BENEDETTI DA ROSA - Participante Externo        
  • PATRICIA BEHLING SCHAFER - Participante Externo  
  • RAFAEL MOURA SALES MARTINS - Participante Externo      
  • TALITA SILVEIRA DUARTE - Participante Externo

 

Projeto: Potência Clínica das Memórias da Loucura

Início: 01/01/2009

Descrição: O presente projeto de pesquisa que toma o Hospital Psiquiátrico São Pedro (HPSP)/Porto Alegre/RS como campo empírico, centra-se no Acervo da Oficina de Criatividade que funciona no referido hospital desde 1990, cuja produção já acumulou mais de cem mil obras produzidas por pacientes submetidos ao regime da longa internação. Tal projeto encontra-se em andamento desde o ano de 2001 congregando uma equipe de estudantes de arte, de história e de psicologia em diferentes níveis de formação. Desenvolve pesquisas a respeito das obras enquanto processo criativo de corpos psicóticos e dessas enquanto memória social da loucura. As ações voltam-se, ainda, para o traçado de biografias nas quais não se pretende restaurar a plena trajetória da vida dos sujeitos artistas, firmando-se, em lugar disto, a disposição de vir a olhar sua existência a partir de indícios que possam falar para além dos rótulos psicopatológicos. Trata-se de incursionar pela potência clínica que insiste como memória pelas obras, de modo a estabelecer padrões críticos aos tradicionais e atuais regimes de tratamento clínico da loucura. Buscamos referências nos corpus teóricos de Gilles Deleuze, Félix Guattari, Espinosa, Michel Foucault e de outros pensadores afinados com a Filosofia da Diferença.

Participante - Categoria:

  • ADRIANA PAULA NUNES SIQUEIRA KLAUSEN - Participante Externo          
  • DANIEL DE MAMAN ROITMAN - Participante Externo  
  • LEONARDO MARTINS COSTA GARAVELO - Participante Externo      
  • MARCELE PEREIRA DA ROSA - Participante Externo  
  • MARIO FERREIRA RESENDE - Participante Externo  
  • SARA HARTMANN - Participante Externo        
  • SUELCI NEUSA KERN HICKEL - Participante Externo  
  • TANIA MARA GALLI FONSECA (Responsável pelo Projeto) - Docente

 

Projeto: Processos de Gênese Instrumental de Uso das Tecnologias Digitais por Professores de Matemática

Início: 04/04/2016

Descrição: A partir das produções de estudantes de graduação e pós-graduação, desenvolvidas em disciplinas e cursos destinados para a apropriação de tecnologias digitais como ferramenta pedagógica, tem-se como objetivos norteadores: a) investigar processos de gênese instrumental pessoal e profissional do professor de matemática; b) investigar impactos do uso de tecnologias digitais na construção de conceitos em matemática. Os pesquisadores acompanharão produções dos estudantes durante a realização de Cursos de Licenciatura em Matemática, Cursos de Especialização e de Mestrado em Ensino de Matemática e Doutorado em Informática na Educação. Como produtos da pesquisa, pretende-se elaborar: a) um conjunto de requisitos para a criação de propostas pedagógicas contemplando o uso de tecnologias digitais com potencial para promover aprendizagens em matemática; b) um inventário de práticas pedagógicas que utilizam tecnologias digitais e que atendam aos requisitos do item (a); c) um desenho pedagógico de Cursos de Formação de Professores de Matemática na modalidade EAD.

Participante - Categoria:

  • ANELISE PEREIRA BAUR - Participante Externo        
  • CAMILA ALIATTI - Participante Externo
  • ELISA FRIEDRICH MARTINS - Discente - Doutorado  
  • JULIO CESAR MEISTER - Participante Externo           
  • KATIA COELHO DA ROCHA - Participante Externo     
  • LAIS DE ALMEIDA PEREIRA - Participante Externo    
  • LARISSA WEYH MONZON - Participante Externo        
  • MARCIANE LINHARES CARLOS - Participante Externo          
  • MARCUS VINICIUS DE AZEVEDO BASSO (Responsável pelo Projeto) - Docente       
  • MARIANA BRAUN AGUIAR - Participante Externo

 

Projeto: Produção e Avaliação de MOOCs no Âmbito do Lúmina, a Plataforma de Cursos On Line da UFRGS

Início: 01/01/2016

Descrição: O objetivo deste projeto é analisar os resultados da produção de MOOCs - Massive open Online Course- distribuídos através do Lúmina, a plataforma de cursos on line da UFRGS. O Lúmina se configura como uma ação institucional estratégica da SEAD, tendo sido concebido na gestão 2012-2016, e deve abrigar todas as ações no formato MOOC. Os MOOC serão produzidos (ou terão sua produção acompanhada) pelo Napead - Núcleo de Apoio Pedagógica a Educaçao a Distância. Nos interessam sobremaneira questão relacionadas à produção (tanto aspectos pedagógicos, tecnológicos e de design), à implementação de práticas pedagógicas no ambiente, à avaliação discente dos cursos e à avaliação docente do processo de produção e distribuição.

Participante - Categoria:

  • GABRIELA TRINDADE PERRY (Responsável pelo Projeto) - Docente 
  • IVANA LIMA LUCCHESI - Discente - Doutorado          
  • MARCELO LEANDRO EICHLER - Participante Externo           
  • MARIA NILZA SILVA OLIVEIRA - Participante Externo 
  • MARLISE BOCK SANTOS - Discente - Doutorado

 

Projeto: Projeto Amora 2009/2010

Início: 01/03/2009

Descrição: O presente projeto tem por objetivo geral constituir um campo de investigação pedagógica para a produção de conhecimentos e metodologias, por um processo de reestruturação curricular no Ensino Fundamental que incorpore as Tecnologias da Informação e Comunicação. Apresentam-se como objetivos específicos: -construir uma proposta curricular que considere as características sócio-culturais, interesses, necessidade e ritmos dos aprendizes; -oportunizar situações que propiciem projetos partilhados e aprendizagem cooperativa; -redefinir os papéis do professor nos processos de ensinar e aprender; -criar novas formas de avaliação condizentes com as idéias epistemológicas de construção do conhecimento que norteiam o projeto; -estimular e oportunizar a formação de outros grupos interdisciplinares de estudo e investigação, na escola e em comunidades parceiras do projeto; -trocar, analisar e avaliar experiências bem como componentes teóricos envolvidos no Projeto, com outros grupos; -produzir repositórios na Internet, para divulgação e compartilhamento das ações com diferentes grupos e instituições interessados na troca de experiências e no desenvolvimento conjunto de projetos.

Participante - Categoria:

  • ITALO MODESTO DUTRA (Responsável pelo Projeto) - Participante Externo    
  • LEA DA CRUZ FAGUNDES - Docente
  • MONICA BAPTISTA PEREIRA ESTRAZULAS - Participante Externo

 

Projeto: Projeto ODIN Núcleo MDMat (IM - UFRGS) - Banco Internacional de Objetos Educacionais (BIOE - Ministério da Educação)

Início: 01/01/2009

Descrição: O Projeto ODIN do Núcleo de Mídias Digitais do Instituto de Matemática da UFRGS estabeleceu uma parceira com o Ministério da Educação para localizar, catalogar, avaliar e traduzir objetos educacionais digitais elaborados em diversas mídias e com grande potencial pedagógico, nas áreas de conhecimento previstas pela educação básica, profissionalizante e superior. Tais atividades são desenvolvidas para fornecer dados para o Banco Internacional de Objetos Educacionais. Esse banco é um repositório criado em 2008 pelo Ministério da Educação, em parceria com o Ministério da Ciência e Tecnologia, Rede Latinoamericana de Portais Educacionais - RELPE, Organização dos Estados Ibero-americanos - OEI e outros. Esse Banco Internacional tem o propósito de "manter e compartilhar recursos educacionais digitais de livre acesso, mais elaborados e em diferentes formatos - como áudio, vídeo, animação, simulação, software educacional - além de imagem, mapa, hipertexto considerados relevantes e adequados à realidade da comunidade educacional local, respeitando-se as diferenças de língua e culturas regionais. Este repositório está integrado ao Portal do Professor, também do Ministério da Educação." (fonte: http://objetoseducacionais2.mec.gov.br/staticspages?t=0).

Participante - Categoria:

  • MARCUS VINICIUS DE AZEVEDO BASSO (Responsável pelo Projeto) – Docente

 

Projeto: PROJETO UCA - um Computador por Aluno - Projeto de Desenvolvimento de Conteúdos para a Mudança Curricular: Contemplando Metodologias de Inserção de Laptops Educacionais na Sala de Aula

Início: 01/01/2007

Descrição: Em dezembro de 2006, o Laboratório de Estudos Cognitivos do Instituto de Psicologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul – LEC/UFRGS – foi convidado a coordenar a experiência pré-piloto do Projeto UCA - Um Computador por Aluno - no Rio Grande do Sul (na Escola Estadual de Ensino Fundamental Luciana de Abreu). A iniciativa envolveu, em sua primeira fase, cinco escolas de diferentes regiões do país – São Paulo (SP), Piraí (RJ), Palmas (TO), Brasília (DF) e Porto Alegre (RS) –, que testaram três modelos de equipamentos: Classmate, fabricado pela empresa Intel; Mobilis, criado pela empresa Encore e XO, desenvolvido pela organização não governamental One Laptop per Child (OLPC/MIT). O objetivo do plano de trabalho apresentado pelo LEC/UFRGS à SEED/MEC, durante a primeira fase do projeto, contemplou a) a realização de testes com o laptop XO da ONG OLPC/MIT, bem como a assessoria técnica e pedagógica à escola pré-piloto na modalidade 1:1 (um computador por aluno); b) o desenvolvimento de um portal contendo conteúdos digitais em mídias integradas e interativas para apoiar práticas pedagógicas inovadoras dos currículos em diferentes níveis de ensino para a melhoria da qualidade da aprendizagem dos alunos; e c) a documentação de modalidades de formação de professores a distância em serviço usando o conteúdo desenvolvido pelo projeto, assim como o registro do processo ocorrido na escola pré-piloto com vistas ao suporte para a replicação em demais escolas. Subprojeto: Preparando para a expansão: lições da experiência piloto na modalidade 1:1 - Em 2010, teve início o piloto do projeto, denominado PROUCA, com aproximadamente 300 escolas contempladas em todo o Brasil. Atualmente, o LEC/UFRGS coordena a formação de multiplicadores dos estados da região Sul do Brasil e do Amazonas, que deverão promover a disseminação de metodologias de aprendizagem envolvendo a inserção da escola na cultura digital e aspectos técnicos concernentes ao projeto nas diferentes escolas desses estados. A fim de constituir referências da proposta pedagógica construída durante o pré-piloto para os novos integrantes do projeto, contribuir com formas de análise do acompanhamento e da avaliação da aprendizagem dos alunos na nova modalidade, e informar os problemas técnicos encontrados no uso dos laptops (incluindo a investigação de suas causas e as soluções adotadas), realizou-se, também no ano de2010, a documentação das mais significativas experiências e linhas de ação dos cinco pré-pilotos, em uma iniciativa de cooperação técnica denominada “Preparando para a expansão: lições da experiência piloto na modalidade 1:1”, estabelecida entre o Ministério da Educação e o Banco Interamericano de Desenvolvimento e executada pela Fundação Pensamento Digital. A documentação realizada pelo LEC/UFRGS, desenvolvida em formato hipermidiático, contemplou um relatório de descrição do contexto da escola, um relatório de infraestrutura e conectividade, um relatório de gestão da escola, dez relatos de experiências e três estudos de experiências educacionais, de modo a compartilhar e sistematizar as aprendizagens construídas no decurso da participação no projeto. Subprojeto:Um Ambiente de Apoio à Pedagogia de Projetos de Aprendizagem - O projeto se desenvolverá em duas frentes de trabalho. Uma delas (Frente 1) estará voltada para o desenvolvimento de um software livre do tipo CSCL, concebido para dar apoio à pedagogia de Projetos de Aprendizagem e ao desenvolvimento de ferramentas para apoio à construção de conceitos. A outra (Frente 2), estará voltada para a experimentação e especificação de algumas dessas ferramentas.

Participante - Categoria:

  • ANUAR DAIAN DE MORAIS - Participante Externo     
  • BRUNO FAGUNDES SPERB - Participante Externo    
  • CARLA BEATRIS VALENTINI - Participante Externo    
  • CRISTINA MARIA PESCADOR - Participante Externo 
  • DANIEL DE QUEIROZ LOPES - Participante Externo   
  • DANIELA STEVANIN HOFFMANN - Participante Externo
  • DARIO CLAROS MERCADO - Participante Externo     
  • DECIO TATIZANA - Participante Externo         
  • DIUALI FAGUNDES JOST - Participante Externo         
  • EDSON LUIZ LINDNER - Participante Externo  
  • JOSE LUIS LONGO - Participante Externo       
  • LEA DA CRUZ FAGUNDES (Responsável pelo Projeto) - Docente       
  • MARCUS VINICIUS DE AZEVEDO BASSO - Docente
  • MARIA INES HOCEVAR BROCHADO - Participante Externo   
  • MARLUSA BENEDETTI DA ROSA - Participante Externo        
  • MARTA DIETERICH VOELCKER - Participante Externo          
  • MAUREN PORCIUNCULA MOREIRA DA SILVA - Participante Externo           
  • PATRICIA BEHLING SCHAFER - Participante Externo  
  • PRISCILLA NEVES ZANINI - Participante Externo       
  • RAFAEL MOURA SALES MARTINS - Participante Externo      
  • TALITA SILVEIRA DUARTE - Participante Externo      
  • TANIA MARA DE CASTRO OLIVEIRA - Participante Externo

 

Projeto: Um Ambiente de Apoio à Pedagogia de Projetos de Aprendizagem

Início: 01/01/2004

Descrição: O presente Projeto tem como objetivo desenvolver um ambiente interativo que suporte a Pedagogia de Projetos de Aprendizagem e que, sustentado por pesquisa de campo : a) apresente arquitetura que facilite o desenvolvimento e incorporação de novas ferramentas; b) ofereça design flexível para se adaptar a diferentes situações de aprendizagem e ser customizável; c) implemente funcionalidades que apóiem a construção cooperativa do conhecimento, facilidades de recuperação de informação e acompanhamento do processo; d) identifique requisitos e especifique ferramentas de TI para apoiar a construção de conceitos; e) gere mais conhecimento sobre o funcionamento da cognição humana e processos de aprender para possibilitar o desenvolvimento de ferramentas conceitualmente mais avançadas. O projeto se desenvolverá em duas frentes de trabalho. Uma delas (Frente 1) estará voltada para o desenvolvimento de um software livre do tipo CSCL, concebido para dar apoio à pedagogia de Projetos de Aprendizagem e ao desenvolvimento de ferramentas para apoio à construção de conceitos. A outra (Frente 2), estará voltada para a experimentação e especificação de algumas dessas ferramentas. Compõem, atualmente, a equipe do projeto, cinco doutores e seis doutorandos, além de colaboradores nos níveis de mestrado e graduação.

Participante - Categoria:

  • DANIEL DE QUEIROZ LOPES - Participante Externo   
  • DANIELA STEVANIN HOFFMANN - Participante Externo        
  • EDSON LUIZ LINDNER  - Participante Externo  
  • ITALO MODESTO DUTRA - Participante Externo         
  • LEA DA CRUZ FAGUNDES (Responsável pelo Projeto) - Docente
  • MARLUSA BENEDETTI DA ROSA - Participante Externo        
  • MARTA DIETERICH VOELCKER - Participante Externo          
  • MAUREN PORCIUNCULA MOREIRA DA SILVA - Participante Externo
  • PATRICIA BEHLING SCHAFER  - Participante Externo