Programa de Bolsas FUNBIO 2019 abre inscrições para mestrandos e doutorandos

O Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (FUNBIO) lançou, em parceria com o Instituto Humanize, o programa de Bolsas FUNBIO – Conservando o Futuro. No segundo ano do programa, está prevista a distribuição de mais de R$ 1 milhão para projetos que apoiem a pesquisa de mestrandos e doutorandos. Para participar, os projetos inscritos devem estar relacionados em algum dos eixos temáticos do programa: conservação, manejo e uso sustentável de fauna e flora, recuperação de paisagens e áreas degradadas, gestão territorial para a proteção da biodiversidade e mudanças climáticas e conservação da biodiversidade.

 A FUNBIO é uma associação civil sem fins lucrativos que atua como financiadora e tem por objetivo desenvolver projetos que contribuam com a aplicação da Convenção sobre Diversidade Biológica (CDB) no país.  Ao longo dos seus 22 anos, opera em conjunto com empresas, órgãos públicos estaduais e federais e da sociedade civil.  Já apoiou mais de 250 projetos, dentre eles o Programa ARPA e Áreas Protegidas da Amazônia. Já o Instituto Humanize atua estimulando o desenvolvimento sustentável e a geração de renda, apoiando a atuação estratégica das entidades que promovam ações de educação de qualidade, a gestão pública, o empreendedorismo e negócios de impacto social, a conservação e o uso sustentável do meio ambiente e a melhoria da qualidade de vida no Brasil.

O processo seletivo ocorrerá através de uma comissão avaliativa e será composto por três etapas eliminatórias:  a inscrição e o enquadramento  do projeto, a análise do projeto de pesquisa, cartas de recomendação e demonstração de interesse e, por último, a classificação final das melhores propostas.

As inscrições ocorrem até 1º de agosto através do site da FUNBIO.

Acesse a chamada completa aqui e saiba mais.