Você está aqui: Página Inicial PROPG Departamento de Apoio à Pós-Graduação Cotutela

COTUTELA

Dupla diplomação ou, segundo a Resolução nº 29/2005-CEPE, titulação simultânea em dois países.

COTUTELA DE ALUNO DA UFRGS

COTUTELA DE ALUNO DE UNIVERSIDADE ESTRANGEIRA

A cotutela pode ser realizada por alunos de doutorado da UFRGS. Usualmente é uma opção dos estudantes que fazem doutorado sanduiche no exterior.

A cotutela também pode ser realizada por alunos matriculados em programa de doutoramento em universidade estrangeira que vêm fazer doutorado sanduiche em Programa de Pós-Graduação da UFRGS.

O planejamento de uma cotutela deve ser elaborado pelo estudante e os orientadores das duas  Universidades, de acordo com as regras de cada instituição.

Normas da UFRGS:

 

Os Programas de Pós-Graduação devem estar atentos para o cumprimento dos requisitos de titulação da UFRGS (distintos de doutorados de pesquisa da maioria das universidades do hemisfério norte).

Requisitos de titulação da UFRGS:

  • Concluir a quantidade de créditos exigida pelo Regimento do Programa;
  • Provar proficiência em duas línguas estrangeiras;
  • Ter aprovação no exame de qualificação;
  • Ser aprovado por banca na defesa pública da tese.

 

TRAMITAÇÃO DA COTUTELA

1º Aprovação da cotutela pelos orientadores da UFRGS e da instituição estrangeira;

2º Aprovação pela Comissão de Pós-Graduação, itens a serem considerados:

  • Projeto de tese/plano de trabalho; pré-requisitos/histórico escolar, adequação da proposta ao regimento do curso e às normais da UFRGS; formato/financiamento da banca conjunta, revisão do texto e sua tradução, questões relacionadas à inovação tecnológica/propriedade intelectual/patentes.

 

3º Abertura de processo no Protocolo Geral, documentação necessária:

  • Ofício da Coordenação dirigido à Pró-Reitoria de Pós-Graduação (PROPG) - Encaminhamento;
  • Ata da Comissão de Pós-Graduação aprovando a cotutela;
  • Carta de concordância do orientador (indicando a vinculação a projeto de cooperação internacional, se for o caso);
  • Indicação da fonte de recursos para custeio da banca conjunta;
  • Termo de convenção de cotutela (duas vias em Português e duas vias na língua estrangeira) - Modelo de Convenção de Cotutela;
  • Histórico escolar;
  • Plano de trabalho ou projeto de tese.

 

4º PROPG recebe o processo para conferência da documentação;

5º Câmara de Pós-Graduação para aprovação do mérito;

6º PPG matricula o aluno estrangeiro como “aluno regular”, modalidade de ingresso “cotutela”;

7º PROPG registra a cotutela no Sistema de Pós-Graduação e encaminha ao Reitor para assinatura;

8º PPG envia acordo assinado para a Universidade estrangeira;

9º PPG guarda o processo até a titulação do aluno (Após a expedição do diploma, o processo deve ser encaminhado ao Arquivo Geral).