Ferramentas Pessoais
Você está aqui: Página Inicial Português Geral Alunos da UFRGS Amigo Internacional

Amigo Internacional

Amigo Internacional

Ultrapasse as fronteiras culturais e adote um amigo internacional!

Você já pensou em aproveitar as diversas vantagens oferecidas por um intercâmbio sem precisar sair de sua cidade?

Agora viajar não é mais a única opção para quem quer fazer um intercâmbio cultural. A Secretaria de Relações Internacionais da Universidade Federal do Rio Grande do Sul está desenvolvendo um novo projeto com o intuito de proporcionar aos nossos alunos a oportunidade de trazer para o seu cotidiano a cultura de algum país estrangeiro. O projeto chama-se Amigo Internacional e consiste em interagir com algum aluno estrangeiro que venha estudar na UFRGS. O intercâmbio é a melhor forma de interação entre culturas, trazendo benefícios mútuos para ambas as partes. O aluno nacional poderá praticar uma língua estrangeira, imergir em outra cultura, partilhar experiências, fazer novas amizades, estabelecer contatos internacionais, agregar conhecimento e internacionalizar sua maneira de pensar. Para o aluno estrangeiro os benefícios são também de grande valor, de tal maneira que ele terá uma integração efetiva na cultura brasileira, fará amigos mais rapidamente, poderá praticar a língua portuguesa com maior freqüência e terá um contato de confiança antes de chegar no Brasil.

As atividades do Amigo Internacional variam conforme as características inerentes a cada pessoa. O contato com seu novo amigo ocorrerá antes de sua chegada ao Brasil, dando-lhe dicas sobre a cidade de Porto Alegre (clima, preços, atividades, etc.) e, posteriormente, buscando o amigo no aeroporto, ajudando-o a encontrar uma residência etc. Quando da chegada do aluno estrangeiro, o amigo brasileiro poderá mostrar a nova cidade, apresentar seus amigos, passear com ele, levar a festas e participar junto nas diversas atividades do seu cotidiano, ajudá-lo a abrir uma conta no banco, entre outras coisas, para que haja uma integração efetiva do aluno na cultura brasileira.

Eu quero adotar um amigo internacional, o que tenho de fazer? Antes de qualquer coisa, é necessário que o aluno brasileiro tenha consciência das diferenças culturais e ideológicas que podem surgir entre os amigos. Destarte, adotar um amigo estrangeiro deve ser uma decisão fruto de muito pensamento, seriedade, responsabilidade e disposição de aceitação. Após a tomada dessa decisão, o aluno estará pronto para preencher nosso formulário online, cujas informações, posteriormente, serão enviadas para uma tabela, junto com as informações dos demais interessados, que será enviada para os alunos internacionais que chegarão para estudar no próximo semestre.

A Secretaria de Relações Internacionais tem a certeza de que a experiência com o projeto Amigo Internacional é de incomensurável crescimento para ambas as partes, e ficamos a disposição para responder eventuais dúvidas a respeito deste projeto.

Para preencher o formulário online e tornar-se um Amigo Internacional de um ou mais estudantes de intercâmbio, favor clicar no link: https://docs.google.com/forms/d/1SEd-VueZxdK6BsMcaqaKmTZf7n5ZnwojaGtI8e9C6Hk/viewform

 

Veja abaixo depoimentos de quem já foi Amigo Internacional:

Matheus: Eu estou aqui para comentar sobre o Patrick Grau. Ele foi o meu amigo internacional neste semestre. Tive bastante contato com o Patrick nos dois primeiros meses em que ele chegou a Porto Alegre. Como eu falo alemão e inglês, a nossa comunicação não foi ruim. O Português do Patrick já estava bastante compreensível. Com o Patrick não surgiram tantas dificuldades, em virtude dele já estar bem encaminhado, ele já tinha, inclusive, achado um lugar para morar e já estava sabendo dos ônibus que deveria pegar.

Conversávamos bastante no prédio azul da química no campus do centro, e pelo o que eu percebi ele teve bastante apoio, em virtude de várias pessoas falarem alemão no setor em que ele estava trabalhando. O orientador do Patrick o ajudava em dúvidas mais técnicas que ele por ventura poderia ter.

Esta experiência me ensinou muito, tanto pelo aspecto cultural, de poder praticar ainda mais o meu alemão, quanto pelo aspecto profissional. Com o Patrick pude verificar como realmente é o sistema de ensino da Alemanha, e constratar com o nosso. Tive a oportunidade de mostrar os nossos conteúdos, por exemplo, de engenharia e verificar o que ele já viu na Alemanha. O que é bastante gratificante, pois me motiva bastante saber que vários conteúdos aqui aprendidos também são ensinados da mesma forma num país tão importante quanto a Alemanha.

 

Ricardo Curti: Prezados, a experiencia de receber uma amiga alemã foi ímpar. Aprendi muito, e sei que certamente também ensinei. Mostrar a Universidade que tanto gosto certamente foi uma experiência ótima. As dificuldades da língua nem existiram,pois minha amiga falava muito bem português. Viramos muito amigos e com certeza vamos manter contato constante quando ela voltar para a Alemanha. Aproveito para dar parabéns a RELINTER pela iniciativa, demonstrando preocupação tanto no recebimento do Aluno estrangeiro quanto na oportunidade dos alunos da UFRGS crescerem culturalmente. Espero poder cooperar nas próximas edições.

Ações do documento