GNU Blog Software Livre na EducaçãoMicro Livre

27/04/2012

Inscreva-se no RSS

As quatro liberdades dos estudantes livres

Filed under: — admin @ 12:23 am

Formulaçao original de Paulo Francisco Slomp Contribuição de Viviane Ferreira
.

O que é Educação Livre?

“Educa√ß√£o livre” √© uma quest√£o de liberdade, n√£o de pre√ßo. Para entender o conceito, voc√™ deve pensar em liberdade no sentido de “liberdade de express√£o dos estudantes/alunos/usu√°rios”, n√£o de ‚Äúgratuidade‚ÄĚ.

A Educação Livre é uma questão de liberdade dos alunos/usuários de estudar, se apropriar dos conhecimentos construídos pelos colegas, compartilhar com outros colegas o conhecimento adquirido, modificar o conhecimento e melhorá-lo. Mais precisamente, isso se refere a quatro tipos de liberdade para os estudantes:

- A liberdade para aplicar o conhecimento adquirido, para qualquer prop√≥sito (liberdade n¬ļ 0).

- A liberdade de estudar como o ensino escolar funciona, e buscar adapt√°-lo a suas necessidades (liberdade n¬ļ 1). Acesso a diferentes concep√ß√Ķes de ensino escolar √© um pr√©-requisito para esta liberdade.

- A liberdade de redistribuir o conhecimento aos colegas de modo que voc√™ possa ajudar ao seu pr√≥ximo (liberdade n¬ļ 2).

- A liberdade de buscar aperfei√ßoar o ensino escolar, e compartilhar com colegas as suas ideias, de modo que toda a comunidade escolar se beneficie (liberdade n¬ļ 3). Acesso a diferentes concep√ß√Ķes de ensino escolar √© um pr√©-requisito para esta liberdade.

[Depois de escrever isso, pensei que talvez o que estava na minha cabeça era a Escola da Ponte, de Portugal: http://pt.wikipedia.org/wiki/Escola_da_Ponte, http://www.escoladaponte.com.pt, http://moodle.escoladaponte.com.pt, http://sites.google.com/site/escolaponte, http://jornal-dia-a-dia.blogspot.com. E, certamente, pensei nas ideias de Paulo Freire e nas de Jean Piaget. Por favor, vocês acreditam que seria possível elaborar um estatuto mínimo da Educação Livre? Escreva seu comentário logo abaixo. Abraços.]

Mensagem original de Paulo Francisco Slomp na lista de discuss√£o: http://listas.sleducacional.org/pipermail/geral-sleducacional.org/2012-April/008634.html.

English version: http://www.ufrgs.br/soft-livre-edu/four-kinds-of-freedom.

Vers√£o em Espanhol: http://www.ufrgs.br/soft-livre-edu/las-cuatro-libertades.

——–

O que é Software Livre?

Fonte: http://www.gnu.org/home.pt-br.html

‚Äúsoftware livre‚ÄĚ √© uma quest√£o de liberdade, n√£o de pre√ßo. Para entender o conceito, voc√™ deve pensar em liberdade no sentido de ‚Äúliberdade de express√£o‚ÄĚ, n√£o de ‚Äúgratuidade‚ÄĚ.

Free software is a matter of the users’ freedom to run, copy, distribute, study, change and improve the software. More precisely, it refers to four kinds of freedom, for the users of the software (O software livre √© uma quest√£o de liberdade dos usu√°rios de executar, copiar, distribuir, estudar, mudar e melhorar o software. Mais precisamente, ele se refere a quatro tipos de liberdade, para os usu√°rios do software):

- A liberdade para executar o programa, para qualquer prop√≥sito (liberdade n¬ļ 0).

- A liberdade de estudar como o programa funciona, e adapt√°-lo a suas necessidades (liberdade n¬ļ 1). Acesso ao c√≥digo-fonte √© um pr√©-requisito para esta liberdade.

- A liberdade de redistribuir c√≥pias de modo que voc√™ possa ajudar ao seu pr√≥ximo (liberdade n¬ļ 2).

- A liberdade de aperfei√ßoar o programa, e liberar os seus aperfei√ßoamentos, de modo que toda a comunidade se beneficie (liberdade n¬ļ 3). Acesso ao c√≥digo-fonte √© um pr√©-requisito para esta liberdade.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.
- A liberdade para experienciar o conhecimento adquirido, para qualquer prop√≥sito (liberdade n¬ļ 0).

- A liberdade de estudar como o conhecimento do mundo funciona, e buscar adapt√°-lo a suas necessidades (liberdade n¬ļ 1). Acesso a diferentes concep√ß√Ķes de conhecimentos √© um pr√©-requisito para esta liberdade.

- A liberdade de redistribuir o conhecimento aos colegas de modo que voc√™ possa ajudar ao seu pr√≥ximo (liberdade n¬ļ 2).

- A liberdade de buscar aperfei√ßoar os conhecimentos, e compartilhar com colegas as suas ideias, de modo que toda a comunidade escolar se beneficie (liberdade n¬ļ 3). Acesso a diferentes concep√ß√Ķes de conhecimento √© um pr√©-requisito para esta liberdade.

—-

Mensagem original de Viviane Ferreira na lista de discuss√£o: http://listas.sleducacional.org/pipermail/geral-sleducacional.org/2012-April/008636.html.

English version: http://www.ufrgs.br/soft-livre-edu/four-kinds-of-freedom.

Vers√£o em Espanhol: http://www.ufrgs.br/soft-livre-edu/las-cuatro-libertades.

Nenhum Coment√°rio »

Comente esta p√°gina.

Novo coment√°rioInscreva-me aos seus feeds

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.

ÔĽŅ

Software Livre WordPress