Você está aqui: Página Inicial Notícias Mestranda ganha prêmio na área das neurociências

Mestranda ganha prêmio na área das neurociências

O trabalho de Débora Czarnabay concorreu com outros 1.088 trabalhos inscritos
20/06/2017 17:54

A mestranda em Fisiologia pelo Instituto de Ciências Básicas da Saúde, Débora Czarnabay, ganhou o prêmio Lundbeck de Incentivo à Pesquisa, entre os 1.089 resumos submetidos, pelo trabalho apresentado durante o 10º congresso Brain, Behavior and Emotions. O prêmio tem objetivo de estimular a pesquisa na área das neurociências e leva em conta a qualidade, a originalidade e relevância do tema. Dédora recebeu quatro mil e quinhentos reais por seu trabalho desenvolvido no mestrado: Efeitos no comportamento materno, aprendizado olfatório, proliferação celular hipocampal e bulbar em filhotes de ratos wistar submetidos à deprivação do cuidado materno no período neonatal.

A pesquisa estuda a relação mãe-filhote e como as intervenções na relação durante o estabelecimento e manutenção deste vínculo podem afetar o desenvolvimento do Sistema Nervoso e aprendizado olfatório, a ponto de induzir déficits de memória que perduram ao longo da vida. Foram descobertas alterações sérias com danos celulares, embora ainda necessitem a realização de mais estudos, que tendem a ser imutáveis. Separar o filhote da mãe nas fases iniciais da vida, afeta o desenvolvimento, a proliferação e a diferenciação celular de diferentes tipos de células neurais.

 

Débora durante a apresentação da pesquisa no congresso - Imagem: Divulgação

A pesquisa foi realizada no laboratório de Neurofisiologia da Cognição e do Desenvolvimento, coordenado pelo Prof. Dr. Fernando Benetti pesquisador e orientador do PPG: Fisiologia, do Instituto de Ciências Básicas e da Saúde (ICBS) em parceria com o Instituto de Pesquisas em Células Tronco (IPTC), ambos da UFRGS. "Como orientador fico imensamente feliz de ver estes alunos jovens acreditarem e investirem seu tempo em querer agregar conhecimento. Tudo foi fruto de muita tentativa e erro, é muito trabalho envolvido. A Débora não perdeu o foco. E veio uma inesperada, mas bem oportuna recompensa. Rumo ao doutorado agora. E que não nos faltem motivações e novas ideias", comenta Benetti.

A pesquisa foi tema da dissertação da aluna que agora seguirá com o projeto testando outras hipóteses no doutorado que deverá iniciar em breve no mesmo laboratório de pesquisas.

Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Av. Paulo Gama, 110 - Bairro Farroupilha - Porto Alegre - Rio Grande do Sul
CEP: 90040-060 - Fone: +55 51 33086000