Ir para o conteúdo Ir para a navegação

Você está aqui: Página Inicial Notícias Representantes da Aliança para Inovação e Pacto Alegre reúnem-se na UFRGS

Representantes da Aliança para Inovação e Pacto Alegre reúnem-se na UFRGS

Encontro discutiu os novos encaminhamentos, a partir da aprovação conjunta de sete projetos
02/09/2021 17:33

Na tarde desta quinta-feira, 02, o reitor da UFRGS, Carlos André Bulhões Mendes, acompanhado de seu pró-reitor de Inovação e Relações Institucionais, Geraldo Pereira Jotz, recebeu no Salão Nobre da Reitoria o superintendente de Inovação e Desenvolvimento da PUCRS, Jorge Luis Nicolas Audy; o pró-reitor Acadêmico e de Relações Internacionais da Unisinos, Alsones Balestrin; e o consultor do Pacto Alegre, Josep Miquel Piqué Huerta, que ocupa também o cargo de diretor de Internacionalização e Inovação da Universitat Ramol Llull La Salle, na cidade de Barcelona.

O objetivo do encontro foi discutir os encaminhamentos para a consecução dos sete projetos aprovados na manhã de hoje, em reunião realizada com o grupo que compõe o Pacto Alegre, autoridades municipais, representantes da sociedade e do meio empresarial.

As propostas foram idealizadas em conjunto por integrantes da Aliança pela Inovação, composta pelas três universidades e por membros da Prefeitura de Porto Alegre. Na avaliação do pró-reitor Geraldo Jotz, o desenvolvimento desses projetos, descritos abaixo, “tem apoio integral das universidades, objetivando a melhoria da qualidade de vida do cidadão porto-alegrense”.


1 - Cidade educadora

Pretende tornar Porto Alegre referência no contexto das cidades educadoras, preparando jovens, servidores públicos e cidadãos em geral para o futuro de cidadania digital, consolidando a lógica de engajamento permanente com a construção da cidade. Quer consolidar a capital como um exemplo de Cidade Inteligente, Inclusiva e Educadora (Smart and Inclusive Learning City).
Entre seus objetivos estão a montagem de uma agenda de ações integradas, visando avançar o conceito e fazer de Porto Alegre um exemplo de mobilização no âmbito da Rede de Cidades Educadoras; o estímulo ao aprendizado pela vivência e experimentação dos espaços criativos da cidade (universidades, ecossistemas de inovação, museus, planetário) e de experiências culturais diversas; o estabelecimento de um modelo de educação que englobe toda a cidade, transbordando os muros da escola; e, a promoção do pertencimento, do direito à cidade e da formação cidadã para todos, especialmente os jovens.

2 - CENTRO+

Planeja ampliar a vivência e experimentação da região, buscando incrementar turismo, visitação, investimentos e moradias. Tem entre suas metas o estímulo das pessoas a retomarem as vivências do Centro; a geração de novas experiências e a melhoria da infraestrutura, fazendo do coração da cidade um espaço inovador, vibrante e atraente; o estímulo de investimentos e a atração de moradores para o Centro; a criação de espaços icônicos e experiências múltiplas, estruturando produtos turísticos e atrações para visitantes e moradores de Porto Alegre; e, o resgate das memórias e do carinho/cuidado pelo centro da capital.

3 - Territórios criativos

Projeto que prevê estimular a transformação da cidade, por meio da consolidação e expansão de ações de inovação, criatividade e empreendedorismo em territórios estratégicos. Tem entre seus propósitos: reconhecer, estruturar e alavancar o potencial dos territórios criativos de Porto Alegre; promover desenvolvimento e transformação rápida desses territórios, com estímulo à implantação de novos arranjos produtivos, culturais e educativos, centrados na inovação e na criatividade; e, estimular o engajamento de diferentes áreas em estratégias de melhoria da qualidade de vida pela inovação.

4 - Aprendizados da pandemia

Iniciativa que vai avaliar os impactos causados pela pandemia da covid-19 na saúde e na educação de moradores da capital, procurando aprender e preparar a cidade para possíveis novas pandemias e crises sanitárias. Tem entre suas finalidades o mapeamento do efeito acelerador pela pandemia no uso de tecnologias digitais nas áreas de saúde e educação pública; o estabelecimento de cuidados e planejamentos necessários no pós-pandemia, para aumentar a resiliência e capacidade de resposta a novos choques; e, o estudo e implantação de mudanças que promovam avanços no acesso e qualidade dos serviços de saúde e educação pública, apoiadas em tecnologias digitais e inovação.

5 - Cidade das startups (Startup city)

Almeja transformar Porto Alegre em líder nacional e referência internacional na geração de negócios inovadores (startups). Tem entre seus alvos: o aumento do número de startups e empreendimentos em Early-Stage Funding; a disseminação do senso de empreendedorismo; e, a ampliação da conexão do ecossistema de geração de startups, a fim de acelerar o ritmo de indução de novos empreendimentos.

6 - POA 250 + 10 (Porto Alegre que queremos)

Projeto dedicado ao estímulo de uma visão de futuro e à estruturação de um processo de planejamento de ações de longo prazo que tragam benefícios para a cidade. Tem como objetivos: promover um processo de pensar estratégico para o desenvolvimento da cidade; identificar e consolidar valores simbólicos e característicos de POA (cidade voltada para o rio, cidade da inovação, cidade da saúde, cidade educadora etc.); estimular reflexões sobre a estruturação de serviços e sistemas vitais, como mobilidade, matriz econômica, iconicidade, paisagem urbana etc.; articular ações de desenvolvimento com sustentabilidade, inclusão, diversidade, cidadania e pertencimento.

7 - POA digital

Tem por proposta central a promoção do direito à cidade pelo estímulo e suporte à cidadania digital e aos serviços digitais. Entre suas metas estão a implantação do conceito de cidade na palma da mão; a promoção de uma nova experiência de cidadania; o estabelecimento de uma estratégia de cidade digital inclusiva; e, a geração de ambiente digital de serviços e informações que tornem a vida na capital mais atrativa e simples, colaborando para a atração e fixação de talentos.

 

Sobre o Pacto Alegre

Iniciativa que busca articular representantes de universidades, empresas e sociedade civil para estimular o empreendedorismo e o desenvolvimento de projetos que tragam melhorias para a cidade. O grupo tem por propósito criar condições para que a capital se transforme em um polo de inovação e atração de investimentos, unindo o poder público e a iniciativa privada.

Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Av. Paulo Gama, 110 - Bairro Farroupilha - Porto Alegre - Rio Grande do Sul
CEP: 90040-060 - Fone: +55 51 33086000