Ir para o conteúdo Ir para a navegação

Você está aqui: Página Inicial Notícias Simplificar para compreender

Simplificar para compreender

Pesquisadoras da UFRGS desenvolveram ferramenta para facilitar o entendimento de textos da área da saúde
28/01/2020 10:27

Em pesquisa realizada no ano passado pelo Instituto Paulo Montenegro em conjunto com a ONG Ação Educativa e o IBOPE Inteligência, foi apontado que cerca de 3 em cada 10 brasileiros são considerados analfabetos funcionais. Isso significa dizer que, embora saibam ler e escrever, eles têm dificuldades para entender textos simples e para realizar contas do cotidiano. Esse grupo é apenas um dos analisados no Relatório do Indicador de Alfabetismo Funcional (INAF) 2018, que mede os níveis de alfabetismo da população brasileira entre 15 e 64 anos. Além disso, um levantamento realizado pelo Google mostrou que 26% dos brasileiros usam a plataforma para pesquisar sobre problemas de saúde antes de ir ao médico.

Tendo esses dados em mente, a professora do Instituto de Letras da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) Maria José Finatto e a doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Letras da mesma universidade Liana Paraguassu decidiram criar a ferramenta digital MedSimples para facilitar o entendimento de textos que tratam de temas relacionados à saúde. O projeto foi iniciado em 2016, após a professora notar a complexidade dos textos da área da saúde que utilizava em suas aulas de tradução. Posteriormente, para dar início a seu doutorado voltado para o letramento em saúde, Liana se juntou ao grupo Acessibilidade Textual e Terminologia (ATT), que conta também com estudantes da área da Ciência da Computação.

Leia a matéria completa no UFRGS Ciência.

Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Av. Paulo Gama, 110 - Bairro Farroupilha - Porto Alegre - Rio Grande do Sul
CEP: 90040-060 - Fone: +55 51 33086000