Na última sexta feira (17/08/2012) estiveram reunidos na Estação Experimental Agronômica, no Pólo de Pós Colheita em Grãos, os representantes da empresa Supergasbrás, Edésio Eduardo Magdalena e Bruno Domingues, representantes da empresa Turboferro, Brainer Rodrigues e Gustavo (foto), os Prof. Renato Levien e Rafael Dionello e o aluno de Pós Graduação Rafael Lima (foto). O objetivo principal da reunião é o desenvolvimento de um equipamento para secagem de grãos utilizando o GLP (Gás Liquefeito de Petróleo), visando uma redução no consumo de GLP e por consequência no custo de secagem em comparação com a secagem de grãos usando lenha como combustível para aquecimento do ar de secagem. A secagem de grãos no Brasil na grande maioria é realizada com lenha, porém a liberação de compostos cancerígenos na queima da lenha (HPAs), vem sendo um problema bastante presente, principalmente naqueles produtores que utilizam esta fonte para a secagem dos mesmos, além do cheiro desagradável para consumo de humanos e animais.