O Que a Docência pode Aprender com o Teatro: ensaios e movimentos formativos, de Fabiano Hanauer Abegg e Luciana Gruppelli Loponte


Resumo: O texto apresenta uma discussão sobre a possibilidade dos exercícios de modificação da prática docente, a partir de pesquisa-intervenção proposta para a formação continuada de professores em uma escola estadual no município de Gravataí no Rio Grande do Sul, especialmente, as experiências inspiradas nos momentos de ensaio de teatro, tanto do grupo Garras de Anjo quanto do grupo Cooperativa de Teatro. Para isso, foram propostas oficinas de formação para ensaiar outros modos de ser e fazer a docência, a partir das técnicas de trabalho do ator utilizadas nos ensaios destes grupos teatrais. As discussões teóricas que servem de base para essa argumentação apoiam-se nas ideias de Nietzsche, Foucault e Schechner. Do primeiro, utilizamos a noção de embriaguez como potência para a criação, especialmente quando fala das formas artistas de criação de si mesmo; do segundo, as suas análises sobre as técnicas de constituição de si na Antiguidade, destacando os exercícios de modificação de si mesmo; do terceiro, seus estudos sobre a Performance e a educação. Corpo, ensaio e movimento são três temas utilizados para estranhar os modos de se pôr em movimento nesse ambiente pedagógico.

Palavras chave: Formação docente, Experiência, Ensaio, Teatro, Educação.

Abstract:The text presents a discussion on the possibility of modifying exercises of teaching practice from intervention research proposal for the continuing education of teachers in a state school in Gravataí municipality in Rio Grande do Sul, especially the experiences inspired by moments theater study both Angel Claws group and the Theatre Cooperative group. For this, training workshops have been proposed to test other ways of being and doing the teaching, from the actor’s work techniques used in the trials of these theater groups. The theoretical discussions that are the basis for this argument supporting up in Nietzsche’s ideas, Foucault and Schechner. From the first, we use the notion of drunkenness as a power to create, especially when speaking of artists forms of creation itself; the second, its analysis of the establishment of technical him in antiquity, highlighting the modification exercise itself; the third, his Performance studies and education. Body, testing and movement are three themes used in surprising ways to put into motion in this educational environment.

Keywords: Teacher education, Experience, Rehearsal, Theater, Education.

ABEGG, Fabiano Hanauer; LOPONTE, Luciana Gruppelli. O Que a Docência pode Aprender com o Teatro: ensaios e movimentos formativos.Currículo sem Fronteiras, v. 18, n. 2, p. 600-613, maio/ago. 2018. Disponível em: http://www.curriculosemfronteiras.org/vol18iss2articles/abegg-loponte.pdf

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>