Arquivos de Tag : arte e vida


POR QUE AS ARTES SÃO IMPORTANTES PARA NOSSA VIDA?

Francis Alÿs , When Faith Moves Mountains [Quando a fé move montanhas], (2002). Adoro as perguntas ordinárias – da ordem do dia, de dentro. Gosto pouco das extraordinárias, são extras mesmo, de fora. Essa pergunta já contempla e instala um nós, pessoas-em-plural – nossa vida. Somos mestiços, híbridos, complexos, em permanente mutação. Somos constantes exercícios […]

alys

Diapositiva1

POR QUE NECESSITAMOS MUDAR AS PRÁTICAS E MUDAR AS FORMAS DE VIDA?

 CONTAMINAÇÕES INTERDISCIPLINARES COM MARRONS ENFERRUJADOS Como todos os anos, a primeira aula começa com todas as alunas, futuras professoras de Educação Primária, fora das salas de aula da universidade. No ano acadêmico de 2017-2018, iniciamos nossas atividades com a  exposição Bibliotecas Insólitas, com curadoria de Glòria Picazo, que aconteceu de 16 de junho a 10 de […]


COMO COMEÇAR UMA AULA?

Hicham Benohoud: Foto da série La salle de classe (2000-2002) Para começar é preciso dar um salto… O começo é mais difícil… Começar é fácil… Começar? Os anos começam e terminam assim como os nossos calendários nas escolas e universidades. São planejamentos de um lado, datas, projetos, ações, mais datas, mais projetos, mais encontros de […]

Como começar uma aula?
TEXTOS PARA ABRIR UMA CONVERSA

QUE TIPO DE AULA DE ARTE PRODUZIMOS QUANDO SAÍMOS DA SALA DE AULA?

  Paulo Nazareth – Projeto Notícias da América ( ) Imagem cedida pelo artista* A sala de aula e sua disposição nos diz muito sobre as concepções de educação e os processos de ensino e aprendizagem. Manter os alunos alinhados com professor em frente é mais que uma forma de organização, é uma forma efetiva […]

thumbnail_image (1)

1_mascaras apapaatai

Por que falar das formas expressivas indígenas nas escolas?

Roda de teto wayana.  Fonte: VAN VELTHEM (org.). Livro da arte gráfica wayana e aparaí. Museu do Índio/Iepé, 2010. A questão acima me foi proposta como mote pelo interessantíssimo grupo Arteversa, que tem, como um de seus méritos, propor discussões públicas e interdisciplinares sobre arte e educação. Ela permitiria várias respostas. Vou compartilhar três delas […]


Em defesa de um determinado modo de pensar os encontros entre arte e experiência

Existiria a possibilidade de que fôssemos arte neste instante? Haveria a possibilidade de pensar que seria arte o gesto de levantar hoje pela manhã, sentir o cheiro do café, de abrir a janela? Mas, também, por que não caminhar pela rua, observar o verde da grama na praça, escutar alguém que assobia sentado num de […]

Secuela Publica, 2013

960-20150709165349

Em defesa da escola: uma questão pública, de Jan Masschelein e Maarten Simmons

O nosso grupo tem pensado muito sobre a escola e seus desafios, que também envolve o que temos pensado sobre arte e educação. O livro “Em defesa da escola” nos ajuda a pensar sobre essas questões.   “Nós nos recusamos firmemente a endossar a condenação da escola. Ao contrário, defendemos sua absolvição. Acreditamos que é […]


Antoni Muntadas – Percepção requer envolvimento

A obra “AVISO: PERCEPÇÃO requer o envolvimento” faz parte de um projeto em curso “On Translation”, que tem sido mostrado internacionalmente. Funciona tanto como uma instrução e desafio para o espectador. O curso da vida urbana cotidiana é acompanhada por uma massa de sinais, os quais visam persuadir, explicar, persuadir e influenciar a maneira pela […]

A04682_l