Conceição Evaristo em áudio: literatura para en-cantar

“O cuidado de minha poesia
aprendi foi de mãe,
mulher de pôr reparo nas coisas,
e de assuntar a vida.”

Três textos de Conceição Evaristo ganharam versão em áudio!

Com os versos acima, Conceição Evaristo inicia seu poema “De mãe”, homenagem à mulher que lhe deu à luz e lhe ensinou a “brandura [de sua] fala na violência [de seus] ditos”. Mineira de Belo Horizonte, Conceição Evaristo é romancista, contista, poeta, ensaísta e professora. Em 2015, recebeu o Prêmio Jabuti com o livro de contos Olhos d’água e, em 2019, foi a escritora homenageada pela Olimpíada de Língua Portuguesa.

Agora, três de seus textos ganharam versão em áudio: o conto “Olhos d’água”, o poema “De mãe” e o ensaio “O mundo é vasto. A textualização do mundo também”.

A narradora:
A leitura é de Ludmilla Lis, atriz, diretora teatral e performer, formada em Letras/Literaturas, professora de Língua Portuguesa e mestranda no Programa de Pós-Graduação em Relações Étnico-Raciais do Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (CEFET/RJ).

Divulgação por Tamara Castro, para CENPEC Educação.

Os textos de Conceição Evaristo em áudio estão disponíveis em Escrevendo o Futuro.

Conto Olhos d’água
Poema De Mãe
Ensaio O mundo é vasto. A textualização do mundo também

A escritora:
Conceição Evaristo, nascida em Belo Horizonte, é romancista, contista, poeta e professora. Em 2015, foi vencedora do Prêmio Jabuti com o livro de contos Olhos d’água, e em 2019, foi a escritora homenageada da Olimpíada de Língua Portuguesa.