Abordagem de mercado para obtenção de órgãos 

José Roberto Goldim

A abordagem de mercado para a obtenção de órgãos, feita por Lloyd Cohen, ainda não adotada oficialmente em qualquer país. Esta proposta criaria um mercado de órgãos de doador cadáver. O seu objetivo é o de ampliar a obtenção de órgãos para transplante através de incentivos financeiros.

Nesta perspectiva podem ser estabelecidas duas alternativas, uma mais agressiva permitindo a venda de órgãos e outra mais tênue que possibilitando benefícios ou incentivos fiscais à família do doador. Poderia haver a possibilidade do futuro doador, ainda em vida, estabelecer uma relação comercial, mediante contrato, que seus órgãos passariam a ser propriedade de outra pessoa após a sua morte. Esta proposta é defendida pelo Prof. Gary S. Becker, Prêmio Nobel em Economia. A abordagem de mercado é a proposta mais polêmica de todas.

O comércio de órgãos, isto é, a venda efetiva de órgãos humanos, tem sido amplamente divulgado. Alguns casos, como o dos "comerciantes chineses" foram documentados adequadamente.

Outra situação, também relacionada à proposta de mercado é a que diz respeito à compra e venda de órgãos de pessoas vivas. Esta questão tem sido bastante discutida em países como a Índia.

Qualquer uma das abordagens pode levar ao problema do "slippery slope", isto é, de um precedente pode se levar a outro e assim a situações nunca antes imaginadas.
 
 


Ética Aplicada aos Transplantes de Órgãos
Página de Abertura - Bioética
Texto atualizado em 18/12/2001
(c)Goldim/1997-2001