Correio da Manhã para consulta

Compartilhe

Agência FAPESP – O Arquivo Público do Estado de São Paulo disponibilizou para consulta pública uma coleção de originais do jornal Correio da Manhã de 1904 a 1974. Até então, a instituição dispunha apenas de dois exemplares do jornal.

A coleção foi doada no fim de 2009 pelo Arquivo Edgar Leuenroth (AEL), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), no âmbito da parceria entre esta instituição e o Arquivo do Estado.

O Correio da Manhã foi lançado no Rio de Janeiro em 1901 por Edmundo Bittencourt, tendo sido publicado até 1974. Segundo o Arquivo do Estado, destacou-se como um jornal de opiniões fortes e engajado nas disputas políticas da sociedade brasileira.

Entre seus colaboradores se destacaram os escritores Lima Barreto, Carlos Drummond de Andrade, Graciliano Ramos, Carlos Heitor Cony e Antonio Callado, além dos críticos José Lino Grünewald e Antonio Moniz Vianna.

A coleção recebida pelo Arquivo do Estado passou por tratamento técnico antes de ser aberta à consulta.

O Setor de Consulta funciona de terça a sábado das 9h às 17h, sendo 16h o horário-limite para solicitação de material.

Mais informações: www.arquivoestado.sp.gov.br

Fonte:Boletim Agência FAPESP
Data: 03/05/2010

3 de maio de 2010

Publicado por Gabriela Marchioro