Nilma Lino Gomes e o papel da Universidade na superação do racismo

Compartilhe

“A universidade, ao implementar as cotas, ela se torna responsável por criar um ambiente acadêmico antirracista. E é isso que nós temos que ainda construir.”

“É preciso, então, descolonizar a universidade e fazer isso em tempos de retrocesso é um desafio maior ainda. É um desafio que não é só político, ele é também epistemológico.”

“As ações afirmativas são a experiência mais radical que a universidade pública tem vivido nos últimos anos. As cotas, elas reeducam a universidade diante da dura realidade racial e do racismo.”

(Nilma Lino Gomes, trechos da Aula Magna, UFRGS, 2019)

Para abrilhantar seu final de semana, um post muito especial!

Compartilhamos a Aula Magna de 2019 na Universidade Federal do Rio Grande do Sul: “O papel da Universidade na superação do racismo”, ministrada pela pedagoga Nilma Lino Gomes.

A professora Nilma, referência na luta contra o racismo no Brasil, formou-se em Pedagogia e é mestra em Educação pela UFMG, doutora em Antropologia Social pela USP e pós-doutora em Sociologia pela Universidade de Coimbra e em Educação pela UFSCAR.

É a primeira mulher negra do Brasil a comandar uma universidade pública federal, ao ser nomeada reitora da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (UNILAB), em 2013.

Dentre tantas funções e atividades educadoras e de militância, coordenou o Programa de Ensino, Pesquisa e Extensão de Ações Afirmativas da UFMG, de 2002 a 2013, e integrou a Câmara de Educação Básica do Conselho Nacional de Educação nas gestões de 2010 a 2014.

Nilma Lino Gomes é autora de diversos livros, entre eles “O movimento negro educador” (2017) e “Sem perder a raiz” (2006).

A UFRGS deu início oficial ao primeiro semestre acadêmico de 2019 com  um evento fundamental. Assista aqui na íntegra a fala da professora que magistralmente compartilhou suas experiências e inquietações, disponibilizado na íntegra no Canal da UFRGS TV no Youtube.

Aqui, o link para a Aula Magna. 

Fotos do evento, aqui. Não perca os registros desta aula tão importante para a luta pela equidade e democracia.

“Superar o racismo é enfrentar o racismo. Enfrentem.”
Nilma Lino Gomes.

5 de abril de 2019

Publicado por Zuleika Branco