Arquivos da categoria: África Ocidental

Mali lidera pesquisas em meio a crise de segurança e pandemia de coronavírus

Via: Aljazeera

Os malianos vão às urnas no domingo para as eleições parlamentares há muito adiadas, apesar de uma crise de segurança, o recente seqüestro de um importante político da oposição e a pandemia de coronavírus. Especialistas veem a votação como um passo fundamental para levar o Estado da África Ocidental para fora de sua espiral de violência e para mais perto de uma solução política para parar o derramamento de sangue. As eleições parlamentares foram adiadas várias vezes desde 2018, principalmente por questões de segurança. Mas o governo do Mali diz que seguirá em frente no domingo, assim como o novo coronavírus aumentou os problemas crônicos de segurança do país.

Leia mais aqui

Continuam os protestos na Guiné contra Alpha Conde

Via: Aljazeera

Estima-se que centenas de milhares de manifestantes na Guiné sairam às ruas novamente contra a proposta do presidente Alpha Conde de realizar um referendo para mudar a constituição. Conde quer alterar a constituição para permitir que ele governe além de seu segundo mandato final, permanecendo no poder, o que já havia provocado protestos contra o governo em outubro. Os partidos de oposição ameaçam boicotar a votação, e o número de mortos desde o início das nasmanifestações sobe para 30.

Leia mais aqui

Estados da África Ocidental devem interromper o uso do Franco CFA

Via: Africanewes

A União Monetária da África Ocidental aconcordou com a França em renomear seu franco CFA, o Eco, e cortar alguns dos vínculos financeiros com Paris que sustentam a moeda comum da região desde a sua criação, após a Segunda Guerra Mundial. Segundo o acordo, o Eco permanecerá atrelado ao euro, entretanto os países africanos do bloco não terão que manter 50% de suas reservas vinculadas ao Tesouro francês e não haverá mais um representante francês no conselho da União Monetária. Enquanto os defensores da moeda dizem que ela proporcionou estabilidade financeira em uma região às vezes turbulenta, os críticos do CFA há muito tempo o consideram uma relíquia dos tempos coloniais.

Leia mais aqui