Author: Luciana Miron

Client Requirements Management in Social Housing: A Case Study on the Residential Leasing Program in Brazil

O planejamento urbano, em tese, sempre foi baseado na coleta e troca de informações entre diferentes partes interessadas. Uma mudança no modelo informacional tem, invariavelmente, um impacto significativo em como se faz todo o processo. Ferramentas digitais possuem alto potencial para coleta de dados socioespaciais e temporais, o que é completamente diferente dos modelos estáticos de coleta de dados que o planejamento urbano comumente utiliza, por exemplo. Assim, distintos autores advogam a necessidade de uma reformulação no planejamento urbano através da utilização de tecnologias que permitam a criação de metodologias mais dinâmicas, interativas, e colaborativas. Assim, após uma breve perspectiva histórica, apresentam-se duas abordagens contemporâneas para o planejamento e a gestão urbana que tiram partido das tecnologias digitais: o planejamento eletrônico e a cidade inteligente.

consulte Mais informação

Understanding Value Generation in Complex Urban Regeneration Projects

O planejamento urbano, em tese, sempre foi baseado na coleta e troca de informações entre diferentes partes interessadas. Uma mudança no modelo informacional tem, invariavelmente, um impacto significativo em como se faz todo o processo. Ferramentas digitais possuem alto potencial para coleta de dados socioespaciais e temporais, o que é completamente diferente dos modelos estáticos de coleta de dados que o planejamento urbano comumente utiliza, por exemplo. Assim, distintos autores advogam a necessidade de uma reformulação no planejamento urbano através da utilização de tecnologias que permitam a criação de metodologias mais dinâmicas, interativas, e colaborativas. Assim, após uma breve perspectiva histórica, apresentam-se duas abordagens contemporâneas para o planejamento e a gestão urbana que tiram partido das tecnologias digitais: o planejamento eletrônico e a cidade inteligente.

consulte Mais informação

Geração de valor em empreendimentos HIS: parcerias com o Poder Público

O planejamento urbano, em tese, sempre foi baseado na coleta e troca de informações entre diferentes partes interessadas. Uma mudança no modelo informacional tem, invariavelmente, um impacto significativo em como se faz todo o processo. Ferramentas digitais possuem alto potencial para coleta de dados socioespaciais e temporais, o que é completamente diferente dos modelos estáticos de coleta de dados que o planejamento urbano comumente utiliza, por exemplo. Assim, distintos autores advogam a necessidade de uma reformulação no planejamento urbano através da utilização de tecnologias que permitam a criação de metodologias mais dinâmicas, interativas, e colaborativas. Assim, após uma breve perspectiva histórica, apresentam-se duas abordagens contemporâneas para o planejamento e a gestão urbana que tiram partido das tecnologias digitais: o planejamento eletrônico e a cidade inteligente.

consulte Mais informação

MÉTODO INOVADOR DE INTEGRAÇÃO ENTRE OS CURSOS DE ENGENHARIA CIVIL E ARQUITETURA NO ENSINO DE GRADUAÇÃO PARA RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS

O planejamento urbano, em tese, sempre foi baseado na coleta e troca de informações entre diferentes partes interessadas. Uma mudança no modelo informacional tem, invariavelmente, um impacto significativo em como se faz todo o processo. Ferramentas digitais possuem alto potencial para coleta de dados socioespaciais e temporais, o que é completamente diferente dos modelos estáticos de coleta de dados que o planejamento urbano comumente utiliza, por exemplo. Assim, distintos autores advogam a necessidade de uma reformulação no planejamento urbano através da utilização de tecnologias que permitam a criação de metodologias mais dinâmicas, interativas, e colaborativas. Assim, após uma breve perspectiva histórica, apresentam-se duas abordagens contemporâneas para o planejamento e a gestão urbana que tiram partido das tecnologias digitais: o planejamento eletrônico e a cidade inteligente.

consulte Mais informação