Dentre as tantas formas já testadas e desenvolvidas para promover a eficiência energética e a produção limpa de energia, o reaproveitamento de forças desperdiçadas é uma das menos comentadas. Porém, como comprova a startup Prosumir, incubada na UFRGS, esse método pode ser uma das alternativas mais simples e rentáveis. BasicamenteLeia mais