Caracterização tecnológica de cerâmica branca com adição de ossos bovinos

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Karoline de Lourdes Monteiro Guimarães
Railde de Paula Diniz Araújo
Denilson Moreira Santos

Resumo


O descarte de resíduos sólidos é visto como um problema ambiental. À medida em que as cidades crescem e os processos produtivos avançam, é necessário buscar um destino adequado para o descarte ou outras alternativas, como o reaproveitamento em outros processos. É o caso dos ossos bovinos, que apresentam propriedades interessantes, podendo ser reaproveitados e incorporação a outros materiais, como na produção cerâmica. A adição de resíduos à massa cerâmica pode agregar benefícios ambientais, estéticos, econômicos e funcionais. Por isso, neste trabalho foi realizada uma análise das propriedades tecnológicas da cerâmica com adição de ossos bovinos. Os resultados mostram que a composição com 30% de resíduos apresentou os melhores resultados, seguidos das misturas com 35% e 55% de ossos. Conforme características, este material é indicado para uso em objetos planos e em utilitários domésticos, sobretudo quando a cor branca for inerente ao produto.


##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
Guimarães, K. de L. M., Araújo, R. de P. D., & Santos, D. M. (2015). Caracterização tecnológica de cerâmica branca com adição de ossos bovinos. Design E Tecnologia, 5(09), 42-49. https://doi.org/10.23972/det2015iss09pp42-49
Palavras-chave
Cerâmica branca, Resíduos, Ossos bovinos
Edição
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Karoline de Lourdes Monteiro Guimarães, Universidade Federal do Maranhão

Mestranda em Design pela Universidade Federal do Maranhão, bacharel em Desenho Industrial e Tecnóloga em Design de Interiores. Atua principalmente nos seguintes temas: ergonomia, design de produto e design de interiores.