Estudo de respostas emocionais às cores no contexto de cartazes de cinema

Main Article Content

Kennyo Alex Nogueira

Resumo

Este estudo aborda a influência das cores na elicitação de emoções, visando uma melhor compreensão da dimensão emocional das cores na criação e interpretação de mensagens visuais. No contexto desta pesquisa, buscou-se verificar em que medida as respostas emocionais a cartazes de filmes variam com a mudança de suas cores predominantes e se os cartazes podem ser associados à emoção característica de seu gênero cinematográfico sem o uso de paletas de cores convencionadas. O estudo foi realizado em duas fases. Na Fase 1, descritiva, foram identificados, por meio da caracterização quantitativa das cores, os padrões cromáticos mais representativos em conjuntos de cartazes de filmes pertencentes aos gêneros Terror e Comédia Romântica, cujas emoções predominantes estão localizadas em quadrantes opostos no Espaço Afetivo. Na Fase 2, experimental, foram verificados os efeitos dos padrões nas respostas emocionais de 50 participantes, utilizando-se estímulos visuais produzidos com imagens associadas a emoções opostas no Espaço Afetivo, por meio da escala Self-Assesment Manikin - SAM. Para a produção dos estímulos visuais, foram usadas imagens do International Affective Picture System - IAPS. A pesquisa descritiva realizada na Fase 1 identificou padrões cromáticos com características opostas. O padrão composto pelas cores com atributos comuns à maioria dos cartazes analisados do gênero Terror apresentou predominância de cores com baixos níveis de saturação e claridade, enquanto o padrão cromático com atributos comuns à maioria dos cartazes analisados do gênero Comédia Romântica apresentou cores com níveis altos e médios de claridade e saturação. No experimento realizado, a inversão dos padrões de cores não alterou de modo proeminente as dimensões das emoções percebidas nas imagens, indicando que a influência das cores nas respostas emocionais pode estar subordinada às características emocionais das imagens. No entanto, diferenças observadas na dispersão das frequências e entre as médias de respostas emocionais sugerem que padrões de cores, quando associados a dimensões afetivas semelhantes àquelas das imagens, tendem a reforçar as respostas emocionais correspondentes; e que certas imagens podem ser mais suscetíveis a influência das cores nas respostas emocionais do que outras.

Article Details

Como Citar
NOGUEIRA, Kennyo Alex. Estudo de respostas emocionais às cores no contexto de cartazes de cinema. Design e Tecnologia, [S.l.], v. 8, n. 15, p. 1-11, jun. 2018. ISSN 2178-1974. Disponível em: <https://www.ufrgs.br/det/index.php/det/article/view/476>. Acesso em: 11 dez. 2018. doi: http://dx.doi.org/10.23972/det2018iss15pp1-11.
Edição
Seção
Artigos