Processo de adaptação de cadeira de rodas para usuários com paralisia cerebral nível 5 no GMFCS

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Ana Veronica Pazmino
Davi Goulart

Resumo

O trabalho apresenta o projeto de um processo de adaptação de cadeira de rodas de baixo custo para usuários com paralisia cerebral nível 5 no Gross Motor Function Classification System (GMFCS). A fundamentação teórica trata de temas relacionados a compreensão da paralisia cerebral e tecnologia assistiva / social. Ao longo do artigo, é mostrado o processo de projeto que utiliza uma adaptação do método de desenvolvimento de produtos de Rozenfeld, 2006. Dentro de uma dinâmica participativa e iterativa, envolvendo as fases de análise – teste e redesign das peças adaptadas. O artigo mostra as principais fases do projeto e da construção dos modelos dos apoios necessários a serem adaptados em uma cadeira de rodas, além dos testes para validar o produto final. Os resultados abrangem: modelos de apoio de tronco, cabeça, pés e braços, além de um processo sistematizado para construção de baixo custo de peças ergonômicas e econômicas para cadeira de rodas de pacientes com paralisia cerebral. O trabalho mostra que uma ação projetual pode melhorar a condição de um grupo social.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
Pazmino, A. V., & Goulart, D. (2019). Processo de adaptação de cadeira de rodas para usuários com paralisia cerebral nível 5 no GMFCS. Design E Tecnologia, 9(17), 01-09. https://doi.org/10.23972/det2019iss17pp01-09
Seção
Artigos