Reflexões sobre design e iniciativas participativas no contexto museal

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Rosana Ferreira Alexandre
Luiza Novaes
Andrea Reis

Resumo

Este artigo apresenta reflexões elaboradas a partir de estudos conduzidos em duas pesquisas de Doutorado. Uma concluída e outra em andamento. Ambas investigam experiências em museus e o papel ampliado do design para que as experiências aconteçam. Partindo do entendimento dos valores e princípios dos museus atuais, dos públicos contemporâneos e de suas expectativas, o artigo faz uma reflexão, com base em iniciativas reais levantadas em diferentes instituições, sobre formas interativas utilizadas para convidar o público a se relacionar ativamente com o patrimônio cultural. Sob o viés do design, verifica-se como pensar, planejar e executar ações de forma participativa pode engajar a audiência de maneira diferenciada e também contribuir positivamente para a relevância das instituições. Para compreender os diferentes níveis de participação observados nas iniciativas, são utilizados como referência os modelos desenvolvidos por Simon (2010) e Brown (2004). Concluímos que há muitas possibilidades  para envolver o público em museus, e que cabe a cada instituição avaliar e adotar a solução mais adequada a cada momento e contexto. Essa constatação nos leva a entender o contexto museal como uma grande oportunidade para ações de design, no que diz respeito ao discurso expográfico mas também à proposição de estratégias de interação para engajar os visitantes de maneira ampla.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
Alexandre, R. F., Novaes, L., & Reis, A. (2019). Reflexões sobre design e iniciativas participativas no contexto museal. Design E Tecnologia, 9(17), 80-86. https://doi.org/10.23972/det2019iss17pp80-86
Seção
Artigos