Conferências 2019: próxima palestrante busca dar visibilidade à identificação de centros de violação de direitos humanos

A palestra da próxima quarta-feira, 10 de julho, do Conferências UFRGS promete reforçar a importância de um assunto pouco debatido na área cultural. Em pesquisa para um pós-doutorado, a professora Jeniffer Alves Cuty é referência em estudos sobre patrimônio na museologia. Ligando a sua tese à pesquisa de Enrique Serra Padrós (História-UFRGS) sobre os locais de tortura da ditadura militar em Porto Alegre, a docente pretende dar maior visibilidade ao assunto através da conexão com o patrimônio e em parceria com outros órgãos.

“A UFRGS poderia atuar na visibilidade de algumas pesquisas como a do professor Padrós, onde ele resgatou diversos locais de tortura da ditadura militar brasileira, como o Solar Conde de Porto Alegre, o famoso casarão do IAB [Instituto de Arquitetos do Brasil – RS]. O local abrigou o chamado necrotério do regime na cidade. No Rio de Janeiro, o Ministério Público local ajuizou ação de patrimonialização de centros de tortura, após um conjunto de pessoas investigar e passar os dados para o órgão. Na Argentina, ocorreu o mesmo”, ilustra a professora de Museologia da Fabico – Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação Social da UFRGS.

A professora complementa a sua fala comparando com uma novidade nas últimas décadas no Brasil e, principalmente, em Porto Alegre. O fluxo intenso migratório de cidadãos de países atingidos pela miséria, ditaduras ou guerras.

“A ideia da minha fala é explicar a patrimonialização às avessas, registrando espaços de sofrimento e estigmatização. Hoje em dia, estamos ainda compreendendo os processos migratórios. Há muitos haitianos e africanos chegando à cidade. Para onde vão? O que fazem? É um dever ético, pela justiça e memória dessas pessoas.”

Conferências UFRGS 2019

Com o mote Cultura: para uma política cultural da UFRGS, o Conferências UFRGS chega a sua sexta palestra deste ano (ao todo serão dez). O Departamento de Difusão Cultural da UFRGS desenvolverá, por meio da contribuição de cada um dos palestrantes, um documento a ser encaminhado para o Conselho Universitário da universidade no final do ano para que seja votada a política cultural da UFRGS.

Serviço

Sobre: Conferências UFRGS 2019 – Cultura: para uma política cultural da UFRGS
Palestrante: Professora Jeniffer Alves Cuty – Museologia (Fabico – UFRGS)
Tema: Direitos Humanos e Patrimônio Cultural: por uma política das diferenças
Data: 10/07
Hora: 19h
Local: Centro Cultural da UFRGS (Rua Eng. Luiz Englert, 333 – Porto Alegre-RS)
Inscrição (gratuita): https://www.ufrgs.br/difusaocultural/conferencias-ufrgs-2019/

Deixe uma resposta

X