Palestra sobre literatura indígena compõe programação da 12ª FestiPoa no Centro Cultural

Na última quinta-feira, Julie Dorrico, doutoranda no PPG de Letras da PUC-RS apresentou parte da sua pesquisa relacionada a produção literária indígena e sua experiência no processo de identificação da sua descendência do povo Macuxi (RR). A atividade foi a penúltima sediada pelo Centro Cultural da UFRGS da 12ª FestiPoa Literária.

A palestra “A literatura indígena brasileira contemporânea: conhecendo vozes de origem” abordou o contexto legal e histórico da literatura indígena para trazer exemplos de escritores indígenas com livros publicados. Na ocasião, Julie Dorrico trouxe nomes como Daniel Munduruku, Eliane Potiguara, Kaká Werá e Graça Gaúna, e chamou a atenção para a assinatura das obras, composta de nome e etnia indígena, para reforçar a identidade e desconstruir o estereótipo de que são todos “índios”.

Além da literatura, a palestra contou com dicas aos interessados na produção indígena. A Livraria Maracá foi recomendada pela pesquisadora, para acesso à literatura; para o cinema, Dorrico apresentou o canal Vídeo nas Aldeias na plataforma Youtube; e para a música, a rádio Rádio Yandê.

Como parte da programação da 12ª FestiPoa Literária, o Centro Cultural da UFRGS sedia hoje, 03 de maio, a palestra e lançamento das duas últimas obras da escritora Heloísa Buarque de Hollanda: Pensamento Feminista – Conceitos fundamentais e Pensamento Feminista Brasileiro – Formação e contexto. O evento é aberto ao público e acontece das 19h às 21h.

Deixe uma resposta

X