Caminhos para a docência na cultura digital

Turma: Turma 1

 

Modalidade: Curso a distância, pela plataforma Moodle Colaboração e Mconf

 

Público-Alvo: Prioritariamente docentes UFRGS.

 

Período: 01/07 a 09/07/2021

Datas para aulas síncronas: 01/07, 02/07, 05/07, 06/07, 07/07, 08/07, 09/07.

Atividades assíncronas: 2h

 

Horário: sempre das 14h às 18h

 

Objetivos:

Objetivo Geral: Contribuir para ressignificação da docência a partir de um mapeamento de crenças, de trocas de experiências e do planejamento do percurso docente.

 

Objetivos Específicos:

  • Oportunizar a troca de experiências da docência no ERE: lições aprendidas e desafios a serem superados.
  • Diagnosticar crenças e outros fatores que geram impeditivos para a formulação de estratégias efetivas de ensino, em especial estratégias EaD.
  • Promover reflexões sobre as demandas pré-concebidas acerca dos papéis de aluno e professor, repensando a conexão com o aluno com empatia, para além do conteú
  • Promover reflexões sobre padrões de comunicação aluno-professor. Ilustrar algumas técnicas que favorecem a cooperação entre as partes.
  • Promover reflexões sobre a relação professor e aluno, ilustrar como as técnicas da disciplina positiva podem ser utilizadas para resultados de longo prazo que vão além da aprendizagem do conteúdo e formação profissional;
  • Promover reflexões sobre as ambições dos professores com sua atuação junto aos alunos, definindo metas e planejando rotas para a sua trajetória na docência, considerando os aspectos profissionais e pessoais;
  • Oportunizar a troca de experiências quanto a estratégias de engajamento dos alunos no processo de ensino-aprendizagem.

Conteúdo programático:

  • Reflexões sobre a docência
  • Crenças e mitos sobre ensino e sobre EaD
  • Comunicação professor X aluno
  • Estratégias para engajamento do aluno
  • Plano de desenvolvimento docente

 

 

Cronograma/Conteúdo programático:

 

Primeira semana (2 encontros):

  • Mesa redonda online: troca de experiências do ERE; lições aprendidas e desafios a serem superados.
  • O “ciclo do sucesso”: crenças geram um potencial, que levam a ações, que levam a um resultado que por sua vez atuam sobre as crenças. Levantamento de crenças sobre os papéis de aluno e professor, ensino a distância, ensino presencial, comunicação aluno-professor, visão do professor quanto às suas habilidades e responsabilidades, trabalho em equipe, entre outras.

Segunda semana (5 encontros)

  • Raio-x dos resultados da aula anterior. Discussão em grupos sobre as crenças mais comuns. Exercício para ressignificação de crenças.
  • Comunicação professor-aluno: visitando exemplos de vivências reais em sala de aula. Compartilhamento de experiências. Reflexão sobre como essa comunicação deveria ser e o que é preciso desenvolver para obter bons resultados. A regra dos quatro espelhos e os efeitos da ativação emocional sobre a comunicação efetiva entre as partes. Comunicação não-violenta e outras técnicas para comunicação efetiva.
  • Definindo metas de longo prazo: Que tipo de professor você quer ser? Como isso se encaixa na sua vida pessoal e nos objetivos fora de sala de aula? O que você precisa ensinar e o que você quer ensinar? Que tipo de curso/aula você quer criar?
  • Definindo um plano de ação: Que ações/rotinas/técnicas você já aplica e estão alinhadas com suas metas a longo prazo? Que habilidades você precisa desenvolver? O que você pode terceirizar?
  • Compartilhando resultados de estratégias de engajamento do aluno no EaD.
  • O que fazer quando as tecnicalidades (plataformas, criação de conteúdo) são uma barreira. Plano minimalista considerando o estágio de desenvolvimento e vida pessoal do professor. Espaço aberto para eventuais dúvidas.

Critérios de avaliação: Participação em, no mínimo, 75% dos encontros, participação nas discussões durante o curso, bem como entrega do plano de ação/metas da trajetória docente.

 

Carga horária total: 30h

 

Resultados esperados:

Espera-se que os professores esbocem seu plano de desenvolvimento docente a partir de reflexões propostas no curso, contemplando as possibilidades proporcionadas pela cultura digital.

Competências Desenvolvidas:

Competência de Ensino “Inovação”: Fomentar a cultura da inovação, do empreendedorismo e da inserção social nas atividades de ensino.

Escolher um item.

 

 

Necessidade PDP 2021:

Incentivar as práticas pedagógicas inovadoras em sala de aula na UFRGS

 

Ministrante: Manuela Longoni De Castro. É Bacharel em Matemática e Mestre em Matemática Aplicada pela UFRGS. Concluiu o Doutorado em Matemática Aplicadana University of New Mexico. É professora adjunta da UFRGS desde 2006.Iniciou sua jornada naEaD há 14 anos, ministrando a disciplina de Cálculo para 600 alunos do curso de Administração. A experiênciana Educação a distância transformou a sua visão sobre docência e a fez acreditar que ensinar Matemática com qualidade na modalidade a distância é possível.Em 2011/2 inaugurou a disciplina de Matemática Financeira EaD, com uma turma experimental de 120 alunos. Com o sucesso da oferta da disciplina no formato a distancia, em 2013 não houve demanda discente pelas turmas na modalidade presencial. Nesse ano a disciplina de Matemática Financeira EaD completa 10 anos e atualmente atende cerca de 400 alunos por semestre exclusivamente na modalidade a distância.

 

 

Nº de vagas: 25

Inscrições: até o dia 27/06/2021 (através do Portal do Servidor>serviços>agendamento>inscrições em capacitações/treinamentos).

Resultado da seleção: estará disponível no dia 28/06/2021 no campo “participantes” nesta mesma página. Os selecionados também serão comunicados por email.

Observações:

– Para docentes, é válido para Módulo II do PAAP.

– Caso você tenha alguma deficiência e necessite de recurso de acessibilidade para participar dessa atividade, favor entrar em contato conosco (edufrgs@progesp.ufrgs.br) informando sua necessidade e indicando o(s) recurso(s) necessário(s) para realização da mesma. Realizar esse contato logo após a realização da sua inscrição no Portal do Servidor.  Para verificar alguns dos recursos possíveis de serem oferecidos, clique aqui.

– Para integralizar a carga horária da atividade é necessária frequência mínima em 75% dos encontros previstos.

– As ações com mais de um encontro previsto podem sofrer alterações no cronograma inicial, mantendo a necessidade de frequência mínima para integralização da carga horária.

– Caso o servidor já tenha realizado esta capacitação via EDUFRGS, em outro momento, a mesma não poderá ser contabilizada novamente para fins de progressão funcional.

Font Resize