outubro 6th, 2012

Lajes de Vigota Pré-Moldada

As lajes formadas por vigotas são caracterizadas como lajes pré-moldadas, mantendo as principais vantagens desse sistema. Atualmente no mercado brasileiro estão disponíveis três tipos de vigotas: vigotas de concreto armado comum (destinadas a vãos de até 5 metros), vigotas de concreto protendido e vigotas treliçadas, ambas destinadas a cobrir vãos de até 10 metros ou mais.

As principais vantagens das lajes pré-moldadas são:
• Economizar fôrmas e escoramentos na obra;
• Maior rapidez de execução;
• Economizar mão de obra no local;
• Diminuir o peso da estrutura.

Na montagem ou execução da laje, as vigotas são dispostas espaçadamente, sendo colocados entre elas elementos leves de enchimento, normalmente blocos vazados de concreto ou material cerâmico (as chamadas tavelas), ou ainda blocos de poliestireno expandido (EPS).

Na obra aqui analisada foi adotado o sistema de laje de vigotas pré-moldadas de concreto armado comum e tavela cerâmica, devido ao pequeno porte da construção e à facilidade de execução. A montagem foi realizada da seguinte forma:
• As vigotas foram posicionadas sobre vigas metálicas existentes, começando por uma das extremidades da edificação;
• Em seguida foram sendo posicionadas as tavelas cerâmicas entre os espaçamentos das vigotas, e perpendicularmente a estas;
• Sobre as vigotas e tavelas é posicionada uma armadura de distribuição para evitar a fissuração da laje;
• Por último é feita a concretagem, garantindo a solidez dos elementos como um todo.

As lajes de vigotas necessitam de um escoramento menos denso que as lajes comuns de concreto armado e podem, ainda, prever uma contraflexa em sua parte central, ambos itens de acordo com o vão a vencer e as especificações do projeto.

Matéria elaborada a partir de pesquisa e imagens da aluna Amanda Beck Ramos

0 Comments

No comments yet.

RSS feed for comments on this post.

Sorry, the comment form is closed at this time.

This work is licensed under GPL - 2009 | Powered by Wordpress using the theme aav1