Família Dipsadidae

É a família que possui mais representantes no Brasil, tendo 248 espécies reconhecidas. As serpentes dessa família podem ser encontradas em diversos habitats e com diferentes hábitos. Tem uma enorme variação de estratégias alimentares, muitas espécies possuem glândulas produtoras de venenos e dentição especializada com presa posterior sulcada.

Palavras-chave: Classe Reptilia, Ordem Squamata, Família Dipsadidae, Herpetofauna.


Referências Bibliográficas:
Souza, Tatiana Parnazio de. “Análise da variação morfológica de Sibynomorphus mikanii (SCHLEGEL, 1837)(Serpentes, Dipsadidae) com a avaliação do status taxonômico de Sibynomorphus mikanii septentrionalis CUNHA, NASCIMENTO & HOGE, 1980.” (2016).

Autora: Dafne Vasques
Revisor: Filipe Ferreira

Este projeto procurará proporcionar a todos os cidadãos interessados informações de qualidade referentes as espécies da fauna do Rio Grande do Sul.