Tatu-de-rabo-mole (Cabassous tatouay)

Grau de Ameaça:  IUCN – LC

Habitat: Campos e interiores de florestas.

Distribuição: Carece de estudos, porém tudo indica que ocorrem pequenas populações no RS. Mapa de distribuição conforme a IUCN.

Hábito de vida: Entardecer/Noturno.

Características gerais : Conhecido popularmente como Tatu-de-rabo-mole, pois não possui placas ósseas na cauda. Mais robusto dos tatus do Estado, podendo pesar até 6Kg, sendo o Tatu mais forte e rápido em cavar. Alimenta-se quase que, exclusivamente, de insetos, sendo o mais insetívoro dos tatus do RS. Vivem em tocas que eles mesmos escavam, onde características estruturais da toca, como entrada e tamanho variam de espécie para espécie. A caça ilegal, fruto da apreciação da carne do Tatu em práticas culturais no RS, a utilização do rabo e da carapaça do Tatu como adornos, animais vítimas de predação por cães e atropelamentos ameaçam ainda mais estes animais.

Palavras-chave: Tatu-de-rabo-mole, Cabassous tatouay, Greater Naked-tailed Armadillo, Cabasu De Orejas Largas, Classe Mammalia, Ordem Cingulata, Familia Dasypodidae

Referências Bibliográficas:

ANACLETO, T. C. S. 2013 Cingulata e Pilosa. In: WEBER et al (Ed.) Mamíferos do Rio Grande do Sul. Santa Maria, RS. p. 81-105

GONÇALVES, L. G. et al. Mamíferos do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Pacartes, 2014. 212 p.; il. Color. ISBN 978-85-62689-93-2

GONZALEZ, E. & ABBA, A.M. 2014. Cabassous tatouay. The IUCN Red List of Threatened Species 2014: e.T3414A47437737. http://dx.doi.org/10.2305/IUCN.UK.2014-1.RLTS.T3414A47437737.en. Downloaded on 17 September 2018.

MARQUES, A. A. B. et al. Lista de Referência da Fauna Ameaçada de Extinção no Rio Grande do Sul. Decreto no 41.672, de 11 junho de 2002. Porto Alegre: FZB/MCT–PUCRS/PANGEA, 2002. 52p. (Publicações Avulsas FZB, 11)

RIO GRANDE DO SUL. 2014. Decreto Estadual n° 51.797, de 08 de setembro de 2014. Declara as Espécies da Fauna Silvestre Ameaçadas de Extinção do Rio Grande do Sul. Diário Oficial do Estado do Rio Grande do Sul, Porto Alegre.​

Autor: Filipe Ferreira da Silveira – Revisora: Fernanda Ribeiro da Silva – BiMaLab (UFRGS)

Este projeto procurará proporcionar a todos os cidadãos interessados informações de qualidade referentes as espécies da fauna do Rio Grande do Sul.