Rato-d’água (Lundomys molitor)

Grau de Ameaça: IUCN – LC.

Habitat: Matas ou capoeiras, sempre próximos de córregos ou arroios.

Distribuição: Mapa de distribuição conforme a IUCN.

Hábito de vida: Noturnos.

Características gerais:  Roedor semi-aquático. Possui registros em Mata de Galeria na região central do RS. Pesam de 250g à 490g. Pelagem longa, densa e macia, sendo castanha no dorso e amarela no ventre. Orelhas pequenas e cauda de apenas uma única cor escura, com poucos pelos, escamas visíveis e um tufo de pelos na ponta. Suas patas apresentam membrana interdigital, assim como as rãs, facilitando o deslocamento no ambiente aquático. Podem ser vistos se alimentando sobre a vegetação durante o crepúsculo. Utilizam como ninhos a vegetação densa, hastes de junco próximas a lâmina da água. Pouco abundantes, mas possíveis de serem visualizados na natureza.

Palavras-chave: Rato-d’água, Lundomys mulitor, Lund’s Amphibious Rat, Greater Marsh Rat, Lund’s Amphibious Rat, Classe Mammalia, ordem Rodentia, Família Cricetidae.

Referências Bibliográficas:

GONÇALVES, L. G. et al. Mamíferos do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Pacartes, 2014. 212 p.; il. Color. ISBN 978-85-62689-93-2.

GONZALEZ, E., D’ELIA, G. & PARDINAS, U. 2016.Lundomys molitor (errata version published in 2017). The IUCN Red List of Threatened Species 2016: e.T10219A115096149. http://dx.doi.org/10.2305/IUCN.UK.2016-3.RLTS.T10219A22328078.en. Downloaded on 01 October 2018.

RIO GRANDE DO SUL. 2014. Decreto Estadual n° 51.797, de 08 de setembro de 2014. Declara as Espécies da Fauna Silvestre Ameaçadas de Extinção do Rio Grande do Sul. Diário Oficial do Estado do Rio Grande do Sul, Porto Alegre.​

Autor: Filipe Ferreira da Silveira – Revisor: Izidoro S. Amaral – BiMaLab (UFRGS)

 

Este projeto procurará proporcionar a todos os cidadãos interessados informações de qualidade referentes as espécies da fauna do Rio Grande do Sul.