Rato-do-mato-de-nariz-laranja (Wilfredomys oenax)

Grau de Ameaça: IUCN – EN

Habitat: Encontradas em áreas de campo,borda de mata, capoeiras e restingas e até mesmo plantação de arroz.

Distribuição: No RS, há registro para Mata Atlântica, Mata de Restinga (Parque Estadual do Espinilho) no bioma pampa. Mapa de distribuição conforme a IUCN. 

Habito de vida: Noturnos e arborículas.

Características gerais: Sua característica mais marcante é a ponte do focinhos alaranjada, além da região em torno das orelhas.
Pesa aproximadamente 25g e possui cauda longa alcançando o dobro do comprimento da cabeça e corpo. Coloração dorsal é acinzentada, sendo ventre mais claro. É uma das espécies mais raras em coleções científicas.

Palavras-chave: Rato-do-mato, Wilfredormys oenax, Greater Wilfred’s Mouse, Classe Mammalia, ordem Rodentia, Família Cricetidae

Referências Bibliográficas:

CHRISTOFF, A.U. 2018. Wilfredomys oenax. The IUCN Red List of Threatened Species 2018: e.T23077A22368690. http://dx.doi.org/10.2305/IUCN.UK.2018-1.RLTS.T23077A22368690.en. Downloaded on 18 September 2018.

GONÇALVES, L. G. et al. Mamíferos do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Pacartes, 2014. 212 p.; il. Color. ISBN 978-85-62689-93-2

MARQUES, A. A. B. et al. Lista de Referência da Fauna Ameaçada de Extinção no Rio Grande do Sul. Decreto no 41.672, de 11 junho de 2002. Porto Alegre: FZB/MCT–PUCRS/PANGEA, 2002. 52p. (Publicações Avulsas FZB, 11)

RIO GRANDE DO SUL. 2014. Decreto Estadual n° 51.797, de 08 de setembro de 2014. Declara as Espécies da Fauna Silvestre Ameaçadas de Extinção do Rio Grande do Sul. Diário Oficial do Estado do Rio Grande do Sul, Porto Alegre.​

Autor: Filipe Ferreira da Silveira – Revisor: Bruno Tubino Noronha – BiMaLab (UFRGS)

 

Este projeto procurará proporcionar a todos os cidadãos interessados informações de qualidade referentes as espécies da fauna do Rio Grande do Sul.