Eles por Elas: a luta pelos direitos das mulheres é universal

No Dia da Mobilização do Homem pelo fim da Violência contra as mulheres, o Humanista explica o que é o movimento ‘He for She’.

Júlia Flor / #ExplicaçãoHumanista

O feminismo e a luta contra a desigualdade de gênero já inspiraram incontáveis movimentos ao longo da história, desde o sufragismo no final do século 19 até o famoso movimento punk riot grrrl na década de 1990. Apesar de todas as suas formas, extensões e influências culturais diferentes, nunca antes um movimento feminista buscou atingir especificamente o público que é o centro de toda a problemática da luta pelos direitos das mulheres: os homens.

Criado pela ONU Mulheres em 2014, o movimento HeForShe é uma campanha de solidariedade que defende os direitos das mulheres e que encoraja a participação e a iniciativa masculina em fazer parte da luta contra a desigualdade de gênero.

Podendo ser livremente traduzido como Ele por ela, o movimento é encabeçado e representado na mídia pela imagem de uma das suas criadoras, a atriz Emma Watson, que é também uma embaixadora da ONU Mulheres. Fazendo uso de sua fama em prol do desenvolvimento do HeForShe, Emma atraiu a atenção de milhões de pessoas para a causa, e é atualmente uma das principais responsáveis pelos avanços significativos e pelas melhorias que a campanha trouxe ao redor do mundo.

Além de Emma, é importante ressaltar que várias personalidades do mundo do cinema, da música, da moda e até mesmo da política já demonstraram o seu apoio ao movimento publicamente: por meio de compartilhamento de fotos online, pela presença em campanhas, pela abordagem ao assunto durante entrevistas.

Dentre essas pessoas, podemos destacar os atores Tom Hiddleston, Jared Leto, Russell Crowe e Eddie Redmayne, além do escritor norte-americano Neil Gaiman, do músico Harry Styles e da própria Casa Branca dos Estados Unidos.



Em seus cinco anos de existência, o HeForShe já acumulou mais de 2 milhões de assinaturas, realizou cerca de 1,1 mil eventos e foi citado nas redes sociais em torno de 1.3 bilhões de vezes. Apenas nos meses posteriores ao seu nascimento – de setembro a dezembro de 2014 – o movimento foi citado em mais de 1.1 bilhões de postagens em diferentes redes sociais, tendo um alcance global. O principal – e, alguns diriam, ambicioso – objetivo do HeForShe é garantir a assinatura e o compromisso de 1 bilhão de homens em apoiar o empoderamento feminino e a igualdade de gênero. 

Em um país como o nosso, que registra mais de 600 casos de lesão corporal em contexto de violência doméstica por dia, no qual pelo menos três mulheres são vitimadas pelo feminicídio diariamente, e onde o número de estupros registrados anualmente só aumenta, iniciativas como o HeForShe são de uma importância imensa.

Apesar de começar com uma mensagem positiva simples, o movimento almeja a longo prazo um investimento mais profundo por meio da adoção de medidas que contribuam para uma mudança social duradoura. A contagem de homens que aderem ao movimento é feita através de ativações online, e se espera a presença em eventos urbanos organizados pela campanha. As histórias de vida desses homens estão sendo reunidas no site de HeForShe para serem compartilhadas e servirem de inspiração para que outros homens optem por seguir o mesmo caminho.


Conheça mais sobre o movimento*

Objetivo – O movimento ElesPorElas (HeForShe) tem como objetivo engajar homens e meninos para novas relações de gênero sem atitudes e comportamentos machistas. Para a ONU Mulheres, a voz dos homens é poderosa para difundir para o mundo inteiro que a igualdade para todas as mulheres e meninas é uma causa de toda a humanidade.

Nesse sentido, ElesPorElas quer ampliar o diálogo sobre os direitos das mulheres e acelerar os progressos para alcançar a igualdade de gênero. Isto será obtido através de uma reformulação da igualdade de gênero, fazendo que esta deixe de ser uma questão das mulheres para se tornar uma questão que exige a participação de homens e mulheres, beneficiando toda a sociedade nos âmbitos social, político e econômico.

Estratégia global – O movimento ElesPorElas está organizado nos seguintes princípios:

Atenção: educação, sensibilização e conscientização

Homens se identifiquem com as questões da igualdade de gênero, reconhecendo o papel fundamental que eles podem desempenhar para acabar com a desigualdade enfrentada por mulheres e meninas em todo o mundo, em suas próprias vidas e também em níveis mais estruturais em suas comunidades.

Argumentação: impacto através de políticas e planejamento

Apoia a agenda de políticas e planejamento da ONU Mulheres, envolvendo homens e meninos na realização de seus objetivos estratégicos: Empoderamento Econômico das Mulheres; Fim da Violência Contra as Mulheres; Governança e Liderança; e Paz e Segurança.

Ação: captação de recursos e outras ações

Diretrizes de implementação abrangentes, possibilitando a mobilização social de indivíduos, governos, ONGs, agências das Nações Unidas, universidades e empresas. O programa-piloto “Impacto 10x10x10″ é uma proposta para o envolvimento de governos, empresas e universidade.


*Informações retiradas do portal da ONU Mulheres Brasil.


FOTO DE CAPA: He for She

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *